Curiosidades » Cinema

De corridas a guerras interestelares: 5 sucessos de bilheteria que não ganharam nenhum Oscar

Com bilhões de dólares arrecadados no mundo todo, era de se esperar que esses longas fossem, ao menos, indicados. Mas alguns não chegaram nem perto

Pamela Malva Publicado em 09/02/2020, às 10h00

Pôster de Star Wars: Episódio VII – O Despertar da Força
Pôster de Star Wars: Episódio VII – O Despertar da Força - Divulgação/Disney

Por mais que seja a maior premiação do mundo do cinema, o Oscar muitas vezes é contestado pelos telespectadores. Para muitos, os vencedores escolhidos pela Academia são, no mínimo, questionáveis.

A maior prova disso é que algumas das maiores bilheterias do mundo nunca foram sequer indicadas para a premiação. Ainda que Avatar e Titanic  — nas 2ª e 3ª posições, respectivamente —, por exemplo, tenham ganho estatuetas, outros grandes sucessos não tiveram a mesma sorte.

Confira 5 filmes que estouraram as bilheterias e não ganharam nenhum Oscar:

1. Vingadores: Ultimato — Maior bilheteria do mundo

Pôster de Vingadores: Ultimato / Crédito: Divulgação/Marvel Studios

 

Campeão nas bilheterias mundiais — e no Brasil —, o longa da Marvel deu um fim à longa narrativa da franquia, construída durante os mais de 20 filmes. No final, Vingadores: Ultimato, de 2019, teve uma bilheteria de quase 2,8 bilhões de dólares, mas não foi indicado à nenhum Oscar em 2020.


2. Star Wars: Episódio VII – O Despertar da Força — 4ª maior bilheteria

Pôster de Star Wars: Episódio VII – O Despertar da Força / Crédito: Divulgação/Disney

 

Apresentando uma nova personagem — a destemida Rae — o longa da franquia de Star Wars é o 4º mais visto do mundo, com uma bilheteria de 2,06 bilhões de dólares. O Episódio VII, de 2015, foi indicado a 5 categorias no prêmio de 2016 — incluindo Melhor Trilha Sonora, Melhor Edição e Melhores Efeitos Visuais —, mas não levou nenhuma estatueta.


3. Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros — 6ª maior bilheteria

Pôster de Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros / Crédito: Divulgação/Universal

 

Apresentando um novo formato para o clássico de 1993, o filme de 2015 trouxe novos personagens e efeitos especiais para os temidos dinossauros. Com essa fórmula, conquistou o 6º lugar entre os filmes mais vistos do mundo, com uma bilheteria de quase 1,7 bilhões de dólares. No entanto, nem chegou perto da premiação da Academia.


4. O Rei Leão — 7ª maior bilheteria

Pôster de O Rei Leão / Crédito: Divulgação/Disney

 

Faz tempo que a Disney entendeu que os remakes são a promessa para seus filmes antigos. E essa foi a premissa de O Rei Leão, de 2019. Com uma boa crítica e muitos jovens chorando nos cinemas, o longa é 7º mais visto com 1,65 bilhões de dólares na bilheteria mundial. Mesmo assim, não emocionou a Academia como deveria.


5. Velozes e Furiosos 7 — 9ª maior bilheteria

Pôster de Velozes e furiosos 7 / Crédito: Divulgação/Universal

 

Foi difícil não chorar no final de Velozes e Furiosos 7. Além de dar um fechamento para a famosa franquia, o filme de 2015 ainda homenageou Paul Walker, um dos protagonistas, morto em 2013 — foi o último longa no qual o ator apareceu. Graças à toda essa propaganda, o filme foi o 9º mais visto no mundo, com uma bilheteria de 1,5 bilhões de dólares, mas, assim como os outros, não conquistou os membros da Academia.


+Saiba mais sobre o tema através dos livros abaixo

A história do cinema para quem tem pressa, de Celso Sabadin (2018) - https://amzn.to/39lzadA

O livro do cinema, de Vários autores (2016) - https://amzn.to/37a11w3

Star Wars: Dark Edition, de Donald F. Glut (2019) - https://amzn.to/2SwSmye

O Rei Leão, de Elizabeth Rudnick (2019) - https://amzn.to/38b1hw7

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.