Curiosidades » Bizarro

10 fatos bizarros que parecem fake news - mas não são

De Cleópatra a Segunda Guerra: casos impressionantes que, contando, ninguém acredita

Alana Sousa Publicado em 17/03/2020, às 17h00

Imagem meramente ilustrativa
Imagem meramente ilustrativa - Getty Images

1. Heroína como remédio para crianças

O frrasco de heroína / Crédito: Wikimedia Commons

 

Em meados do século 19, mais precisamente na década de 1890, a empresa farmacêutica alemã Bayer produzia heroína como um medicamento para combater a dor, tosse e resfriados. A droga também era utilizada em crianças, até o ano de 1912. Apenas no início de 1920 que a substância começou a ser considerada um perigo. Até ser finalmente banida em 1924 pela FDA — Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos.

2. Bomba nuclear perdida há 62 anos

A bomba Tybee / Crédito: Wikimedia Commons

 

Em um acidente ocorrido em 5 de fevereiro de 1958 em Savannah, no estado da Geórgia, EUA, a Força Aérea americana perdeu uma bomba de hidrogênio de três toneladas e meia. 62 anos depois, a história do desaparecimento ainda incomoda as autoridades americanas, devido ao risco a que a população local estaria exposta.

3. O Lago Verde

O Lago Verde submerso, na Áustria / Crédito: wikimedia Commons

 

O Grüner See (Lago Verde) fica localizado em Estíria, na Áustria. O lugar atrai atenção por uma peculiaridade, no mínimo, impressionante. Durante a primavera, de maio a junho, a neve das montanhas que cercam o local derrete, formando uma grande bacia que preenche o lago inteiro. Deixando tudo submerso em 12 metros de água limpa. A época atrai muitos mergulhadores, que nadam em meio a árvores, bancos, trilhas e rochas.

4. O agente duplo da Segunda Guerra

Joan Pujol Garcia / Crédito: Wikimedia Commons

 

Joan Pujol Garcia foi um agente duplo espanhol que trabalhou ao mesmo tempo para os Aliados e para o Eixo durante o conflito mundial. Após ser negado pela tropa aliada como espião, seguiu com seu plano e passou a fornecer informações falsas para o exército alemão. Vendo a habilidade de Garcia, ele logo foi recrutado como agente oficial para os Aliados.

Seu trabalho consistia em dar algumas informações verdadeiras, porém pouco valiosas, para os soldados da SS. Juntamente com dados falsos. Ele ganhou a confiança dos nazistas ao ponto de receber um salário para despesas pessoais. Ao fim da guerra, recebeu os dois mais importantes prêmios dos lados opostos do conflito: a Cruz de Ferro pelos alemães e a Ordem Mais Excelente pelo Império Britânico.

5. Tiranossauro Rex e a humanidade moderna

Imagem meramente ilustrativa / Crrédito: Divulgação

 

Apesar de estarmos separados por milhões de anos, a ideia de que os dinossauros viveram no mesmo planeta que nós ainda é fascinante. Mesmo estando em um período completamente diferente, estamos mais próximos desses incríveis animais do que as espécies estão próximas entre si. Em questão de tempo, o Estegossauro está mais separado do Tiranossauro Rex, do que o Rex de nós. Isso porque a Era dos Dinossauros, conhecida como Era Mesozóica, teve três períodos diferentes: Triássico, Jurássico e Cretáceo. 

O Estegossauro já estava extinto há quase 90 milhões de anos quando o Tiranossauro surgiu. E se contar, desde a extinção do Rex e os humanos de hoje, passaram-se — apenas — 65,5 milhões de anos.

6. Cérebro x Via Láctea

Imagem meramente ilustrativa / Crrédito: Divulgação

 

Ao olhar para o céu limpo durante a noite conseguimos observar mais estrelas do que podemos contar — e isso ainda não chega nem perto da quantidade real. Os astrônomos estimam que na Via Láctea existam mais de 200 bilhões de estrelas. Um número chocante e difícil de imaginar, contando que essas luminosas esferas nascem e morrem. Em contrapartida, nosso cérebro possui ainda mais conexões nervosas entre os neurônios, conhecidas como sinapses.

Neurologistas afirmam que até os três anos de idade, um ser humano tem cerca de um quadrilhão de sinapses. Esse total diminui um pouco conforme envelhecemos e, na idade adulta, se estabelece em 500 trilhões.  

7. Evento de caridade que acabou em morte

Balloonfest, 1986 / Crédito: Divulgação/YouTube

 

Em 1986 aconteceu em Ohio, nos Estados Unidos, o Balloonfest, um evento organizado pela United Way of Cleveland para arrecadar dinheiro à caridade. A cerimônia queria bater o recorde de maior quantidade de balões soltos simultaneamente. Após a liberação, as bolas de ar sobrevoaram a cidade e começaram a cair. Foi quando a situação saiu de controle.

Os balões atingiram pontos importantes da cidade, como o aeroporto Burke Lakefront e o lago Erie. As autoridades enfrentaram dificuldades para socorrer pessoas que, de alguma forma, foram atingidas. Como foi o caso de dois barqueiros que foram encontrados afogados no rio, tornando o evento que seria beneficente como uma tragédia que marcou a cidade.

8. A árvore gigante que é maior que o Walmart 

Great Banyan / Crédito: Wikimedia Commons

 

Próximo à Calcutá, na Índia, está localizada uma enorme árvore, nomeada de Great Banyan. Com 250 anos de idade, seu tronco mede 14.400 metros quadrados. A madeira histórica é maior que muitas propriedades, como a multinacional Walmart. O tamanho médio da loja fica em torno de 9 mil metros, bem abaixo da árvore indiana.

9. Harvard veio antes do cálculo

Harvard / Crédito: Wikimedia Commons

 

Criada em 1636, Harvard é a instituição de ensino superior mais antiga dos EUA. A escola veio antes mesmo do descobrimento do cálculo. Foi apenas 50 anos depois da inauguração do local que Gottfried Leibniz e Isaac Newton publicaram suas obras que auxiliaram no estabelecimento matemático que conhecemos hoje. Para entender a ancestralidade de Harvard, o cientista Galileu Galilei ainda estava vivo durante os primeiros anos de funcionamento da universidade. 

10. Cléopatra mais próxima da Pizza Hut do que das pirâmides egípcias?

A Morte de Cleópatra (1658), de Guido Cagnacci / Crédito: Wikimedia Commons

 

Assim como no caso do Estegossauro e Tiranossauro, a nossa visão de tempo pode estar equivocada quando se trata de aspectos do mesmo local ou segmento. Assim acontece com a última faraó do Egito, Cleópatra.

A rainha nasceu em 69 a.C. e morreu em 30 a.C., e apesar de ser uma parte fundamental da História do Egito, está muito mais longe da criação das Pirâmides de Gizé do que da rede de alimentos Pizza Hut. A primeira loja foi inaugurada em 1958 e, em comparação está mais próxima da vida de Cleópatra do que os monumentos, que foram levantados em 2550 a 2490 a.C..


+Saiba mais sobre fake news através das obras abaixo

Como Não Ser Enganado Pelas Fake News, Januaria C. Aidar, Flavia & Alves (2019) - https://amzn.to/33nmp0C

Fake News - Quando os Jornais Fingem Fazer Jornalismo, Cristian Derosa, Marlon Derosa (2019) - https://amzn.to/2Qnvilv

Os engenheiros do caos: Como as fake news, as teorias da conspiração e os algoritmos estão sendo utilizados para disseminar ódio, medo e influenciar eleições, Giuliano da Empoli (e-book) - https://amzn.to/2vyw8oo

Fake News. A Conexão Entre a Desinformação e o Direito, Diogo Rais (2018) - https://amzn.to/2U8QfSg

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.