Notícias » Personagem

Aos 33 anos, Rihanna se torna a musicista mais rica do mundo

Nascida em Barbados, a cantora conquistou uma fortuna avaliada em R$ 8,8 bilhões através de suas marcas e de sua carreira musical

Pamela Malva Publicado em 04/08/2021, às 18h00

Fotografia de Rihanna no lançamento de sua autobiografia
Fotografia de Rihanna no lançamento de sua autobiografia - Getty Images

Em meados de 2019, a Revista Forbes colocou o nome de Rihanna no topo da lista das artistas femininas mais ricas do universo da música. Nesta quarta-feira, 04, contudo, a cantora tornou-se, oficialmente, a musicista mais rica do mundo.

Ainda de acordo com o ranking da Forbes, Rihanna fica atrás apenas de Oprah Winfrey na lista das mulheres mais ricas do entretenimento mundial. Isso porque, atualmente, a cantora é dona de um patrimônio estimado em US$1,7 bilhão (cerca de R$ 8,8 bilhões).

Segundo o G1, contudo, grande parte da fortuna da artista não veio puramente de sua carreira musical. Nesse sentido, uma fatia do valor, cerca de US$ 1,4 bilhão (ou R$ 7,2 bilhões) vieram da Fenty Beauty, uma parceria entre Rihanna e o LVMH, um conglomerado francês — sendo que a cantora é dona de cerca de 50% do acordo.

Por outro lado, a marca de lingerie Savage x Fenty é responsável por uma parcela de US$ 270 milhões do patrimônio da artista, enquanto o restante da quantia foi garantida através das carreiras de cantora e de atriz que Rihanna cultiva há anos.

No passado, antes de tornar-se uma bilionária, a cantora nascida em Barbados detinha uma fortuna avaliada em US$ 600 milhões. Hoje em dia, além da enorme conta bancária, Rihanna ainda é dona de nove Grammys e doze Prêmios da Billboard.