Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Val Kilmer

Top Gun: Após câncer na garganta, Val Kilmer volta às telonas

Novo filme da franquia “Top Gun” traz de volta personagem de maneira impressionante

Isabelly de Lima, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 24/05/2022, às 22h17

Val Kimer em aparições públicas em 2005 e em 2019 - Getty Images
Val Kimer em aparições públicas em 2005 e em 2019 - Getty Images

“Top Gun – Maverick” ainda nem estreou e já está dando o que falar. O filme que é repleto de nostalgia, clássico dos anos 80 que lançou Tom Cruise como grande astro, ganha sua sequência nas telonas brasileiras a partir da próxima quinta, 26.

Com um tom atual, o longa não perde suas raízes, trazendo, além da trama cheia de referências, um elenco de peso para a produção.

Tom Cruise é carta marcada na trama, mas o destaque foi a aparição breve do atorVal Kilmer, que interpretou Iceman, rival de Maverick (o protagonista). Aos 62 anos, o ator perdeu a voz devido a um câncer na garganta, e ainda após 6 anos do término do tratamento, complicações são evidentes.

Durante o processo, Kilmer precisou se submeter a uma traqueostomia de emergência, em que os médicos realizaram uma incisão em sua traqueia para que fosse possível que ele respirasse. Tal tratamento o forçou a usar um tubo para se alimentar e fez com que perdesse a voz.

Voz tecnológica

Para que o ator pudesse fazer uma participação no filme, a voz dele precisou ser artificialmente recriada, por meio de uma tecnologia inovadora que utilizou arquivos sonoros do próprio Kilmer para gerar as falas do personagem.

O processo da retomada do ator no filme foi de grande emoção para todos os envolvidos, principalmente para sua família. "Eu estava no set, vi ao vivo e foi extraordinário", relata a atriz e cantora Mercedes Kilmer,30, filha do astro, e ainda acrescenta que “ele está muito orgulhoso desse filme. É isso que ele gosta de fazer".

Cruise também contou estar muito feliz com todo o empenho da equipe e revela que lutou muito para que o amigo fizesse o filme. O galã hollywoodiano quis que o dia da gravação do colega de cena fosse muito especial para ele e para seus familiares.

Val Kilmer está muito feliz por poder voltar ao personagem que também o lançou na juventude, ele conta que lamenta ter pedido papéis após o diagnóstico do câncer. Outros detalhes de sua batalha ele relata no documentário autobiográfico “Val”, do Prime Video.