Notícias » Inglaterra

Boris Johnson afirma que é ‘absurdo e vergonhoso’ que estátua de Churchill possa ser atacada

O primeiro-ministro britânico se pronunciou nas redes sociais sobre as manifestações que aconteceram no monumento

Penélope Coelho Publicado em 12/06/2020, às 12h00

Fotografia de Churchill e sua estátua
Fotografia de Churchill e sua estátua - Divulgação

Nesta sexta-feira,12, Boris Johnson usou sua conta no Twitter para falar sobre o que vêm sido escrito na estátua do ex-primeiro-ministro do Reino Unido, Winston Churchill. Durante protestos antirracistas no centro de Londres, no último domingo, 7, manisfestantes escreveram a frase “ele era racista”, no monumento de Churchill. O atual líder britânico condenou os atos.

 

"É absurdo e vergonhoso que esse monumento nacional esteja hoje sob risco de ataques de manifestantes violentos", escreveu Johnson em sua rede social.

Ainda em seu Twitter Boris afirmou que: “A estátua de Winston Churchill na Praça do Parlamento é um lembrete permanente de sua conquista em salvar este país — e toda a Europa — de uma tirania fascista e racista”.

 

Segundo o primeiro-ministro, os britânicos não devem tentar censurar, ou editar o passado: “Sim, ele às vezes expressou opiniões que eram e são inaceitáveis para nós hoje, mas ele era um herói e merece plenamente seu memorial”, finalizou.