Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Brasil

Campanha antirracista de empresa é alvo de críticas da Fundação Palmares

A entidade federal entendeu que a publicação da rede de academias continha ‘preconceito contra brancos’

Redação Publicado em 09/02/2022, às 12h12

Sérgio Camargo, presidente da Fundação Palmares - Divulgação/Instagram/@sergiodireita
Sérgio Camargo, presidente da Fundação Palmares - Divulgação/Instagram/@sergiodireita

Uma campanha contra o racismo realizada em novembro de 2021, em ocasião do Dia da Consciência Negra, feita pela rede de academias Bodytech, se tornou alvo de críticas da Fundação Palmares, presidida por Sérgio Camargo.

Meses após a peça ser compartilhada, a entidade federal emitiu uma nota de repúdio em que afirma que a postagem contém preconceito contra pessoas brancas. A nota foi compartilhada pelo senador Flávio Bolsonaro (PL) e por Camargo.

"A Fundação Cultural Palmares repudia e lamenta profundamente a campanha racista que está circulando nas redes sociais, a qual visa dividir os brasileiros e fomentar o ódio racial. Racismo é racismo, não importa a cor de quem está incentivando essa prática abominável", diz o comunicado, publicado na última terça-feira, 8.

O post foi apagado do perfil da Bodytech, que veio a público se manifestar sobre as reações bolsonaristas.

Segundo reportou o jornal O Globo, a empresa afirmou que a publicação foi usada “fora de contexto" e que a fundação fez uma interpretação equivocada do fato de que a luta antirracista é de todos.

"A imagem é parte de uma sequência de um mesmo post que, isoladamente e fora do contexto, traz uma interpretação equivocada de uma mensagem muito clara: 'A luta antirracista é de todo mundo'. O post em questão sintetizava uma ação no mês da consciência negra", escreveram em nota.

"É lamentável que, após 2 meses do post original, tenha sido criada uma interpretação errada sobre os valores da empresa, distorcendo a mensagem. E tenha colocado em dúvida o posicionamento correto da companhia, seus acionistas, administradores e funcionários. A Bodytech é contra qualquer tipo de discriminação e, nos últimos anos, tem atuado na capacitação e conscientização quanto a importância da diversidade, equidade e inclusão", acrescentaram.