Notícias » Entretenimento

Campanha de nova HQ do Batman causa polêmica entre manifestantes de Hong Kong

Após a publicação da arte inspiradora, que chamou a atenção dos membros dos protestos, a DC Comics optou por apagá-la

André Nogueira Publicado em 28/11/2019, às 11h44 - Atualizado às 11h45

O desenho do novo quadrinho do Batman foi feito por um brasileiro
O desenho do novo quadrinho do Batman foi feito por um brasileiro - Divulgação / DC Comics

Durante os protesto em Hong Kong, a DC Comics se envolveu em uma polêmica envolvendo a arte promocional de uma nova HQ da série Batman, dessa vez desenhada pelo brasileiro Rafael Grampá e escrita por Frank Miller.

Foi divulgada no Instagram a campanha, onde se encontrava a frase “The Future is Young” ("O Futuro é Jovem"), com o Batman carregando um coquetel molotov. Logo a arte viralizou, acompanhada de uma série de comentários em favor dos ocorridos na ilha chinesa. Como consequência, a companhia deletou a publicação rapidamente.

Crédito: DC Comics

 

As reações foram diversas, inclusive em manifestações de fãs, em Hong Kong, decepcionados com a decisão da equipe. Um deles chegou a afirmar que "Se isso for por medo de pressão da China, ficarei muito desapontado com vocês. Apesar do Batman ser apenas um personagem dos quadrinhos, esse comportamento mancha a coragem e responsabilidade dos heróis. No fim, vocês são apenas uma empresa sedenta pelos dos ganhos de Bruce Wayne, não são?".

Ambos os artistas envolvidos estarão na CCXP19, num painel de 80 anos do Homem-Morcego.