Notícias » Ciência

Canabidiol é capaz de reduzir tumor cerebral, diz estudo

Pesquisadores de uma universidade na Geórgia, nos EUA, divulgaram novos dados sobre o tema; entenda

Penélope Coelho Publicado em 04/01/2022, às 14h00 - Atualizado às 14h34

Imagem ilustrativa de canabidiol
Imagem ilustrativa de canabidiol - Divulgação/Pixabay/CBD-Infos-com

Foram divulgados os resultados de um estudo feito por pesquisadores da Faculdade de Medicina da Augusta University, na Geórgia, nos Estados Unidos, a respeito do canabidiol (CBD).

De acordo com o estudo, a substância — que é um dos princípios ativos da maconha — é capaz de diminuir o tamanho de um tumor cerebral muito agressivo e letal. Os testes foram realizados em camundongos.

Segundo informações publicadas nesta terça-feira, 4, pelo jornal O Globo, enquanto alguns receberam placebo, outros roedores inalaram o composto. Nesses casos, desde então, os animais passaram a produzir cada vez menos as substâncias que favorecem o crescimento do glioblastoma.

Os pesquisadores simularam a doença nos ratos através de células de glioblastoma modificadas de humanos, criando um módulo realista de um possível tumor, produzido artificialmente fora do corpo humano.

Atualmente, o tratamento para esse tipo de doença é realizado com cirurgia, em seguida, quimioterapia e radioterapia. Entretanto, o procedimento costuma apresentar resultados pouco satisfatórios, já que esse câncer possui resistência aos medicamentos.

“Precisamos desesperadamente de pesquisas e mais tratamentos. O que temos agora não está funcionando muito bem” pontuou Martin Rutkowski, neurocirurgião e coautor do estudo, após os resultados com o canabidiol.

Confira a pesquisa completa neste link.