Notícias » Espaço

Cientistas avistam impressionante relâmpago com jato azul na Estação Espacial Internacional

O fenômeno foi visto nas proximidades da ilha Nauru, no centro do Oceano Pacífico

Daniela Bazi Publicado em 23/01/2021, às 08h27

Fenômeno do jato azul avistado do espaço
Fenômeno do jato azul avistado do espaço - Agência Espacial Europeia

No último dia 20 de janeiro, a revista Nature divulgou um relato de cientistas que estiveram na Estação Espacial Internacional, onde afirmaram ter avistado um relâmpago de luz azul disparado entre as nuvens da Terra em fevereiro de 2019.

Segundo o artigo, o fenômeno foi visto perto da ilha de Nauru, no centro do Oceano Pacífico, tendo acontecido por, pelo menos, cinco vezes, com a duração de 10 a 20 milisegundos, se espalhando pela estratosfera logo em seguida.

O relatório ainda revela que os jatos azuis teriam acontecido como resultado de uma “pane elétrica” causada pelo encontro de duas nuvens com cargas diferentes. Entretanto, outras propriedades específicas sobre o fenômeno ainda não puderam ser caracterizados, conforme revelado pelos autores.

De acordo com um comunicado emitido por Astrid Orr, coordenadora de ciências físicas para voos espaciais humanos e robóticos da Agência Espacial Européia (ESA), "Este artigo é um destaque impressionante dos muitos novos fenômenos que o ASIM está observando acima das tempestades".