Notícias » Personagem

"É apenas um Natal, pelo amor de Deus": Brian May, do Queen, faz apelo para ingleses

Através do Instagram, o guitarrista da icônica implorou para que as pessoas fiquem em casa

Redação Publicado em 20/12/2020, às 08h00

Brian May durante a pandemia do novo coronavírus
Brian May durante a pandemia do novo coronavírus - Divulgação

Através de uma postagem no Instagram, Brian May, o talentoso guitarrista da banda Queen, fez um pedido aos britânicos diante das festas de final de ano em meio à pandemia do novo coronavírus.

Preocupado com a lei que flexibilizou o isolamento social no Reino Unido diante do final do ano, o guitarrista implorou para que a população fique em casa. Conforme repercutido pela Rolling Stone Brasil, nas palavras de May, o afrouxamento pode “custar à vida de milhares de pessoas”.

"Meu apelo a todos vocês no Reino Unido é que não joguem a cautela ao vento e façam do próximo Natal o último. É apenas um Natal, pelo amor de Deus! Não vale a pena fazer este com segurança, de uma maneira diferente, e viver para ver o próximo Natal?", disse Brian através de um post no Instagram.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Brian Harold May (@brianmayforreal)

 

Com a decisão do Governo do Reino Unido, entre 23 e 27 de dezembro, foram formadas as 'bolhas natalinas'. Membros de até três famílias que residem na Inglaterra e Irlanda do Norte podem comemorar o natal com um grupo de pessoas e se misturar em locais fechados (casas, culto ou espaços públicos abertos). Diante da medida, bares e restaurantes não serão uma opção para o natal 2020.

Contudo, May discorda da medida. Através da postagem, ele desabafa: "O preço do 'presente' de Natal de Boris para sair no Natal será milhares de vidas perdidas. Eu não quero que vocês façam parte dessa estatística".