Notícias » Personagem

Em biografia lançada em 2021, Sérgio Mamberti falou abertamente sobre bissexualidade

O ator faleceu nesta sexta-feira, 3, aos 82 anos de idade

Redação Publicado em 03/09/2021, às 10h52

Sérgio Mamberti
Sérgio Mamberti - Divulgação/ Wikimedia Commons/ Ministério da Cultura

Nesta sexta-feira, 3, o portal Extra recordou um dos tópicos mencionados na autobiografia do ator Sérgio Mamberti, que faleceu hoje, em um hospital em São Paulo, aos 82 anos de idade.

No livro ‘Sérgio Mamberti: Senhor do meu tempo’, lançado este ano, o ator — que ficou marcado por viver o eterno Doutor Victor na série da década de 1990, 'Castelo Rá-Tim-Bum', da TV Cultura — falou abertamente sobre sua vida pessoal.

Como relembra o Extra, na obra Sérgio passou por diversos assuntos, entre eles, sua bissexualidade:

''Como é que eu ia esconder dos meus filhos que eu estava com um companheiro, sendo que ele morava comigo? [...] Não adianta esconder porque a qualquer hora isso pode vir à tona'', escreveu.

No livro, ele também mencionou a perda do marido Ednardo Torquato, em 2019, os dois mantiveram uma relação de 37 anos. Além disso, Sérgio também relembrou o fato de ter perdido a ex-mulher, Vivian Mahr, mãe de seus três filhos:

Ed, meu companheiro querido, nos deixou muito cedo. Pela segunda vez, tive de experimentar a mesma ausência sofrida com a partida de Vivian, em 1980. Sei que nunca vou me recuperar dessas duas perdas, mas a vida exige coragem e esperança para seguir em frente", revelou Mamberti.

Nesta sexta-feira, 3, um dos filhos de Sérgio, Carlos Mamberti, revelou ao portal de notícias G1, que o pai faleceu por falência múltipla de órgãos, após lutar contra uma infecção nos pulmões.