Notícias » Afeganistão

Em meio à crise no Afeganistão, Otan informa que busca uma solução para o conflito

Segundo secretário, a instituição está “profundamente preocupada com os altos níveis de violência causados pela ofensiva do Talibã”

Penélope Coelho Publicado em 17/08/2021, às 07h52

Cidadãos em busca de refúgio no Afeganistão
Cidadãos em busca de refúgio no Afeganistão - Getty Images

De acordo com informações publicadas nesta terça-feira, 17, pelo G1, o secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), Jens Stoltenberg, revelou em nota que o conselho da instituição está reunido a fim de discutir estratégias para auxiliar no fim da crise no Afeganistão, que foi dominado pelo Talibã.

Segundo revelado na publicação, a Otan se mostra “profundamente preocupada com os altos níveis de violência causados pela ofensiva do Talibã, incluindo ataques a civis, assassinatos seletivos e relatos de outros abusos graves dos direitos humanos.”.

Stoltenberg informou que a instituição está agindo em conjunto com as autoridades afegãs e com o restante da comunidade internacional, a fim encontrar uma “solução política para o conflito”.

No comunicado, a Otan também enviou um recado ao Talibã e reiterou que o grupo terrorista “não será reconhecido pela comunidade internacional se tomar o país [Afeganistão] à força”.