Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Austrália

Entenda o costume inusitado dos australianos que viralizou no TikTok

Seja nas ruas, praias ou shoppings, os australianos irão andar com os pés no chão; entenda a origem deste hábito e suas consequências!

Redação Publicado em 14/12/2023, às 14h50

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Mulher australiana andando descalça em supermercado - Reprodução/Vídeo/TikTok/sofiwebb
Mulher australiana andando descalça em supermercado - Reprodução/Vídeo/TikTok/sofiwebb

Não importa a ocasião ou a temperatura do dia, se você estiver na Austrália, é muito provável que irá encontrar alguém andando descalço na rua, nos shoppings e até mesmo no banco. Recentemente, vídeos deste hábito inusitado viralizaram nas redes sociais e intrigaram os internautas das mais diversas partes do mundo.  

O primeiro TikTok que se popularizou foi o da chilena Sofia Webb, que acumula mais de 28 milhões de visualizações. No vídeo, que mostra pessoas de várias idades de pés descalços, ela explica que esta prática, vista por muitos como deselegante, é totalmente naturalizada, e que ela também aderiu ao costume. 

@sofiwebb

Insta: sofiwebb

♬ original sound - Sofiwebb

Conforme repercutido pelo G1, a influenciadora brasileira, Dea Colonnezi, explicou em suas redes sociais que este hábito é consequência de dois fatores: a limpeza das ruas e o estilo de vida "relax" que levam os australianos, sem se preocupar com a opinião alheia. 

Aqui na Austrália é supernormal você andar descalço na rua. Todo mundo faz isso. Como eu moro no centro, é um pouquinho mais difícil de você encontrar pessoas descalças, mas mesmo assim você encontra", explicou Dea em um de seus vídeos.

Outra brasileira, Natália Malta, que vive no país há 7 anos, relatou ter estranhado a primeira vez que viu alguém com os pés descalços e que já chegou a avistar pessoas sem calçados até mesmo nos dias mais frios de inverno, quando a temperatura chega na casa dos 5 graus.

"Aqui as ruas são muito limpas, não tem esgoto, as pessoas não fazem xixi na rua, não jogam lixo na rua. Então traz uma segurança pra gente", contou Natália ao G1.

Consequências

Este hábito pode trazer uma série de benefícios, mas é preciso cuidado, como explicou o fisioterapeuta e quiropraxista Gustavo Girão. O especialista afirmou que os pés, assim como as mãos, possuem vários receptores que transmitem informações diretamente para o cérebro, por meio do sistema nervoso central.

Caminhar descalço aumenta a comunicação do sistema nervoso periférico com o sistema nervoso central. Os nervos ficam mais 'informados'. A comunicação do cérebro com o corpo aumenta o fortalecimento, o equilíbrio, a massa muscular, entre outras coisas. Mas, reforço: é andar descalço na areia, na grama, na sua casa. Em um ambiente seguro e limpo", disse Gustavo em uma entrevista concedida ao G1.

Ele também apontou que existem vários fatores externos que podem atrapalhar o compartilhamento desta informação entre o sistema nervoso periférico e o sistema nervoso central, além de apresentar um verdadeiro risco para as pessoas, como a temperatura do asfalto e a possibilidade de encontrar uma pedra, prego, vidro ou animal no caminho. 

"O hábito de andar descalço fora do ambiente seguro, caseiro, não é recomendado. Aí, a recomendação é o uso de sapatos confortáveis e adequados para cada pessoa no seu dia a dia", concluiu o fisioterapeuta.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!