Notícias » Brasil

Ex-presidente Lula defende acordo prioritário entre Brasil e China em entrevista a jornal chinês

Segundo o político, uma parceria entre as nações seria "irretocável"

Redação Publicado em 28/03/2021, às 10h00

Fotografia do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva
Fotografia do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva - Wikimedia Commons

Em entrevista ao jornal chinês Xinhua News, repercutida pelo UOL, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silvadeclarou que uma parceria entre os dois países é "irretocável”, além de defender um acordo prioritário entre as nações.

"Embora esteja fora da presidência há dez anos, eu estou convencido que a parceria do Brasil com a China é irretocável. Eu queria dizer que eu acho que a China é um parceiro que deve ter um acordo prioritário", disse Lula.

O ex-presidente brasileiro também elogiou o modelo econômico da China, afirmando que as medidas adotadas foram responsáveis por dar oportunidades para a população mais carente do país ter acesso ao estudo e a empregos melhores.

Lula também expressou orgulho sobre o crescimento das exportações e importações feitas entre o Brasil e a China durante o seu governo, e lamentou a queda das importações brasileiras para o país devido ao enfraquecimento da economia nos últimos anos.

De acordo com o ex-presidente, ele ainda possui planos para realizar outra visita ao território chinês após o fim da pandemia. "Eu quero voltar à China, quero conhecer melhor a China, quero visitar indústrias, quero visitar algumas obras excepcionais que foram feitas e quero conhecer melhor o funcionamento da economia”, declarou Lula.