Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Heliogábalo

Imperador romano passará a ser tratado como mulher trans por museu

Embora tenha governado por poucos anos, Heliogábalo gera debate sobre sua identidade de gênero: ‘Não me chame de senhor, pois sou uma senhora’

Fabio Previdelli

por Fabio Previdelli

fprevidelli_colab@caras.com.br

Publicado em 22/11/2023, às 11h41 - Atualizado em 24/11/2023, às 19h38

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Heliogábalo sendo levado por mulheres escravas - Getty Images
Heliogábalo sendo levado por mulheres escravas - Getty Images

O imperador Heliogábalo, como era chamado Marco Aurélio Antonino, governou o Império Romano entre os anos de 218 e 222 — sendo assassinado quando tinha apenas 18 anos. Apesar de seu curto reinado, Heliogábalo se tornou uma figura que causa controversos debates por conta de sua identidade de gênero.

A discussão fez com que o Museu North Hertfordshire anunciasse a renomeação de sua exposição; que agora passará a tratá-lo como uma mulher trans. Assim, Heliogábalo receberá os pronomes femininos ela/dela.

+ Imperador Heliogábalo: A trajetória de um dos primeiros transgêneros da história

Segundo reportado pela BBC, textos clássicos corroboram com essa particularidade. Em um deles, Heliogábalo afirmou: "Não me chame de senhor, pois sou uma senhora".

Com isso, o porta-voz do Museu North Hertfordshire relatou que a instituição considerou que seria "educado e respeitoso ser sensível à identificação de pronomes para pessoas do passado".

Antes da mudança, porém, o próprio museu já exibia uma moeda com a face de Heliogábalo junto de itens LGBTQIA+ de seu acervo. A modificação foi feita após consulta à instituição de caridade LGBTQIA+ Stonewall, tudo para se certificar que "as exibições, a publicidade e as palestras sejam tão atualizadas e inclusivas conforme for possível", afirmou o porta-voz do museu.

A controvérsia

Seu curto reinado gera, ainda hoje, uma controvérsia em torno de sua identidade de gênero e sua sexualidade. À época, Heliogábalo desenvolveu, inclusive, uma reputação de promiscuidade sexual.

Os escritos do senador Cassius Dio, seu contemporâneo, descrevem que Heliogábalo foi casado por cinco vezes: sendo quatro com mulheres e uma com um ex-escravizado e cocheiro chamado Hiercoles. Sobre a união, Dio diz que o então imperador "foi concedido em casamento e foi denominado esposa, amante e rainha".

Apesar disso, o assunto divide acadêmicos. Shushma Malik, professor de clássicos da Universidade de Cambridge, por exemplo, apontam que os escritos do senador não são uma citação direta de Heliogábalo.

"Há muitos exemplos na literatura romana de épocas em que linguagem e palavras efeminadas eram usadas como forma de criticar ou enfraquecer uma figura política", aponta à BBC. "Referências a Heliogábalo usando maquiagem, perucas e removendo pelos do corpo podem ter sido escritas para minar o impopular imperador."

Por outro lado, Keith Hoskins, membro executivo de Empresas e Artes do North Herts Council, acredita que as escritas de Cassius Dio sejam evidências do gênero com o qual Heliogábalo se identificava.

Sabemos que Heliogábalo se identificou como mulher e foi explícito sobre quais pronomes usar, o que mostra que os pronomes não são uma coisa nova".

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!