Notícias » Entretenimento

Morre aos 106 anos, o ator e diretor Norman Lloyd

O artista ficou conhecido por trabalhar com Chaplin e Hitchcock

Penélope Coelho Publicado em 12/05/2021, às 09h28

Norman Lloyd, em 2012
Norman Lloyd, em 2012 - Getty Images

De acordo com informações publicadas nesta quarta-feira, 12, pelo jornal O Globo, o ator, produtor e diretor norte-americano, Norman Lloyd, faleceu ontem, 11, aos 106 anos. Até o momento, a causa da morte ainda não foi divulgada.

O astro nascido em Nova Jersey, no ano de 1914, ganhou notoriedade após sua atuação no filme A Sociedade dos Poetas Mortos (1989). Entretanto, o intérprete fez sua estreia no cinema anos antes e atuou ao lado de grandes nomes.

Norman interpretou o vilão do filme Sabotador (1942), de Alfred Hitchcock; e integrou o elenco do filme Luzes da Ribalta (1952) de Charles Chaplin. Além disso, fez participações em seriados como Modern Family.

O homem iniciou sua caminhada ao estrelado quando entrou para a famosa companhia de Orson Welles, o Teatro Mercury, em 1930. Ao longo de uma carreira de sete décadas, sua última aparição no cinema aconteceu no ano de 2015, no longa de Amy Schumer intitulado ‘Descompensada’.

O falecimento do ator indicado ao Emmy, lamentado pela comunidade artística de Hollywood. Sabe-se que Lloyd era comumente chamado de ‘o mais velho ator de cinema do mundo’.