Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Amber Heard

O que a seguradora de Amber Heard pretende fazer sobre a indenização que ela deve a Depp?

A atriz Amber Heard foi condenada a pagar US$ 8 milhões ao ex-marido após perder processo por difamação

Redação Publicado em 12/07/2022, às 09h53

Amber Heard durante primeira grande entrevista - Divulgação/Vídeo/Today Show
Amber Heard durante primeira grande entrevista - Divulgação/Vídeo/Today Show

A antiga seguradora de Amber Heard não quer pagar pelos honorários advocatícios e danos — a indenização milionária — envolvidos no processo por difamação que a atriz perdeu em junho para o ex-marido Johnny Depp.

A New York Marine and General Insurance Co. alega que o apólice de US$ 1 milhão não cobre "atos intencionais" e que a defesa legal de Amber foi diferente à do acordo inicial. Também aponta que a decisão do júri estabeleceu que a responsabilidade é a da atriz.

Com uma ação aberta na última sexta-feira, 8, a seguradora se recusa a cobrir as taxas e despesas da defesa legal. Os advogados da estrela de “Aquaman” afirmam que ela deve apelar do veredito por não conseguir pagar pela indenização determinada.

"Como resultado, por uma questão de política pública da Califórnia e de acordo com o Código de Seguros da Califórnia 533, a Apólice não oferece cobertura para a responsabilidade de Heard conforme refletido na Ordem de Julgamento emitida em 24 de junho de 2022", diz o processo.

Segundo a lei, uma seguradora "não é responsável por uma perda causada pelo ato intencional do segurado". "Especificamente, a New York Marine informou a Heard que a New York Marine forneceria uma defesa legal, mas que 'na medida em que a lei da Califórnia não permite que uma seguradora indenize o segurado, nenhuma indenização pode ser fornecida’”, acrescentou.

Um porta-voz da atriz se recusou a comentar sobre o assunto, como repercutiu o portal F5. Os documentos judiciais do processo da New York Marine and General Insurance Co. foram obtidos pela revista People.

Indenização

O valor que Amber deverá pagar é de US$ 8 milhões considerando o desconto de US$ 2 milhões que Johnny Depp deverá pagar a ela. Inicialmente, a atriz devia US$ 10 milhões em danos compensatórios, cerca de R$ 47 milhões. E US$5 milhões em danos punitivos, valor que foi reduzido para US$ 350 mil, cerca de R$ 1 milhão, em decorrência de uma lei local de Virgínia. As informações são do Splash UOL.