Notícias » Estados Unidos

Político conservador que teve vídeo com homem vazado se posiciona: 'Estávamos brincando'

O deputado americano Madison Cawthorn é conhecido por defender pautas anti-LGBTQ+

Redação Publicado em 06/05/2022, às 12h55

O congressista americano Madison Cawthorn
O congressista americano Madison Cawthorn - Getty Images

Um congressista americano teve um vídeo vazado na internet em que aparece nu na cama ao lado de um homem, simulando uma ação sexual. Conhecido por defender pautas anti-LGBTQ+, Madison Cawthorn, de 26 anos, causou polêmica.

A gravação, que passou a circular na internet nos últimos dias, foi publicada pelo American Muckrakers PAC, responsável pela administração do site FireMadison.com, como relatou o jornal O Globo.

Após a divulgação do vídeo, o deputado conservador veio a público para se defender. Segundo relatou em seu perfil no Twitter, a situação não teria passado de uma “brincadeira” com um amigo.

“Anos atrás, neste vídeo, eu estava sendo grosseiro com um amigo, tentando ser engraçado. Estávamos agindo como tolos e brincando. É isso”, explicou Cawthorn.

O político também usou as redes sociais para alegar que está sendo vítima de uma chantagem e campanha de difamação, visto que está concorrendo à reeleição pelo Partido Republicano, que deve acontecer no próximo dia 17.

Por meio de um vídeo publicado no Instagram, ele acusou um senador anti-Donald Trump, ex-presidente dos Estados Unidos, pelo vazamento do vídeo, não mencionando nomes, apenas que seria um político do seu estado, a Carolina do Norte.

“Todo conselheiro político me diz para apenas enfrentar a tempestade. Para não me preocupar em responder às notícias porque tenho ‘uma vantagem tão grande’ e ‘porque você é o titular’, mas fui eleito exatamente pelo motivo de ser um lutador”, disse.