Notícias » Coronavírus

Príncipe Joaquim da Bélgica vai à festa e testa positivo para Covid-19

Diante do episódio que quebrou as normas da quarentena, o jovem fez um pedido de desculpas oficial

André Nogueira Publicado em 02/06/2020, às 09h59

Príncipe Joaquim
Príncipe Joaquim - Divulgação

Em maio à crise sanitária que toma a Europa, o príncipe Joaquim da Bélgica participou de evento festivo na Espanha e, logo após, foi diagnosticado com o novo coronavírus. Com o alto perigo de contaminação entre os que participaram da reunião, o aristocrata pediu desculpas pela irresponsabilidade. Chegando ao país no dia 24 de maio, ele visitou a família de uma amiga em Córdoba no dia 26, tendo entrado em contato com, pelo menos, 12 pessoas.

O filho do príncipe Lorenzo fez o exame e testou positivo para a Covid-19 no dia 28, não tendo seguido as normas do distanciamento social. Ele emitiu uma nota oficial ontem. 

"Gostaria de me desculpar por não ter respeitado todas as medidas de quarentena durante minha viagem. Nestes momentos difíceis, não pretendia ofender ou desrespeitar ninguém. Me arrependo profundamente de meus atos e aceito as consequências”, afirmou.

A Bélgica e a Espanha são dois países duramente afetados pela crise pandêmica do coronavírus, tendo o segundo já contabilizado 240 mil casos. Felizmente, no dia de ontem, 1° de junho, não foi contabilizada nenhuma morte pela doença, mas reuniões com acima de 10 pessoas ainda estão proibidas por motivos sanitários.

Portanto, Joaquim cometeu uma infração contra as normas médicas. A imprensa espanhola está acompanhando outros participantes do evento, que podem ter sido infectados. Joaquim está em quarentena  na Espanha, a espera de novas resoluções.