Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Igreja

Telhado de igreja desaba e deixa dezenas de feridos em Minas Gerais

Parte do telhado de uma igreja de Montezuma, no norte de Minas, desabou na noite de ontem, deixando 80 pessoas feridas

por Giovanna Gomes

ggomes@caras.com.br

Publicado em 22/12/2023, às 11h43

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Teto da igreja desabou - Divulgação/Redes sociais
Teto da igreja desabou - Divulgação/Redes sociais

Na noite de quinta-feira, 21, parte do telhado de uma igreja católica desabou em Montezuma, no norte de Minas Gerais, deixando ao menos oitenta pessoas feridas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, aproximadamente 300 fiéis estavam presentes na igreja no momento do desabamento.

Dos 80 feridos, conforme informações dos bombeiros, 72 apresentavam ferimentos leves e escoriações, tendo sido prontamente atendidos e liberados. Quatro deles necessitarão retornar ao hospital para realizar radiografias.

O Hospital Regional de Janaúba declarou, na manhã de sexta-feira, 22, que as outras oito vítimas se encontram em observação, mas apresentam estado de saúde estável.

Segundo o portal de notícias g1, após o resgate, o Corpo de Bombeiros inspecionou e isolou o edifício devido à instabilidade do madeiramento do telhado, que corre o risco de colapso. A Defesa Civil e a perícia da Polícia Civil foram acionadas para investigar as causas do desabamento.

Nota da instituição

A Arquidiocese de Janaúba esclareceu, em nota, que a igreja estava realizando a celebração da Primeira Eucaristia de 70 jovens no momento do incidente.

Foram acionadas as unidades do Samu e da Polícia Militar, além da Secretaria Municipal de Saúde de Montezuma, que trabalharam prontamente, socorrendo e direcionando todas as vítimas ao atendimento médico. [...] Ainda não há maiores informações, contudo, informamos que serão investigadas as causas do acidente”, diz um trecho do comunicado.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!