Matérias » Crimes

5 crimes reais motivados por filmes da cultura pop

A inspiração para um assassinato pode vir de qualquer lugar, nesses casos, ela veio de cenas de terror

Pamela Malva Publicado em 02/12/2019, às 15h41

imagem do filme Halloween
imagem do filme Halloween - Divulgação

A lista de crimes reais que inspiraram grandes obras da cultura pop é enorme, com títulos como Invocação do mal, Anabelle, Horror em Amityville e A maldição da casa Winchester. Infelizmente, tão comum quanto é encontrar assassinos reais que usaram filmes famosos para desenvolver e traçar seus planos maliciosos.

Conheça alguns deles.

1. Massacre de Columbine X Nascidos para matar, de Quentin Tarantino

No dia 20 de abril de 1999, dois jovens, Eric Harris e Dylan Klebold, de 18 e 17 anos, respectivamente, entraram na escola onde estudavam e começaram a atirar. Ambos estavam no último ano e seu plano era assustar alunos, professores e funcionários com bombas do lado de fora.

Assim que todos saíssem da escola, os adolescentes começariam a atirar. Os explosivos, plantados em carros no estacionamento, no entanto, não funcionaram. Eles, então, partiram para o plano B. Em um ataque que durou cerca de uma hora, eles mataram 13 pessoas e deixaram 21 feridas.

No final, ao perceberem a chegada da polícia, Eric, que foi diagnosticado depois do incidente como um típico psicopata, e Dylan se mataram, colocando as armas na boca e puxando o gatilho. Durante as investigações, foi descoberto que os dois se basearam em Nascidos para matar e usavam a sigla do filme, NBK, em seus vídeos caseiros e diários.

Imagem real do crime capturada por câmera da escola / Crédito: Wikimedia Commons

 

2. Robert Berdella X O colecionador, de William Wyler (livro de John Fowles)

Apaixonado por arte, antiguidades e objetos esquisitos, Robert Berdella era um conhecido cozinheiro em Kansas City, Missouri. Sua vida, no entanto, mudou quando, irritado com uma dívida não paga, Robert fez sua primeira vítima, o jovem Jerry Howell, de 19 anos, em 1984. Ele drogou, torturou, estuprou e matou o garoto, drenando todo seu sangue depois — utilizando das habilidades que adquiriu no trabalho.

Nos anos seguintes, Berdella sequestrou, torturou e matou mais seis jovens, todos homens. O assassino foi pego quando uma de suas vítimas, Chris Bryson, escapou e chamou a polícia. Robert passou a ser conhecido como O açougueiro de Kansas City e como O colecionador, devido ao filme de 1965. Durante as investigações, mais de 300 fotos polaroids foram encontradas, junto de um diário, registrando todos os crimes e sessões de tortura.

Aos policiais, Robert alegou ter se inspirado em The Collector, que assistiu quando ainda era jovem. Segundo o assassino, o longa deixou uma grande impressão nele, tornando-se uma força psicológica motivadora para os crimes que cometia. Para ele, suas vítimas não eram seres humanos, mas objetos de estudo, mesmo sentimento do assassino do filme. Robert se declarou culpado de todas as acusações e foi condenado a prisão perpétua, morrendo de ataque cardíaco em 1992.

Robert Berdella já preso, em Kansas City / Crédito: Getty Images

 

3. Thierry Jaradin X Pânico, de Wes Craven

No filme, a cidade americana de Woodsboro é aterrorizada por um ceifador vestindo uma túnica preta e uma máscara inspirada na pintura de Edvard Munch, The Scream (O Grito, em português). A cidade de Gerpinnes, Bélgica, não imaginava que se tornaria na locação real de um crime muito parecido.

Inspirado pelo filme, o motorista de caminhão Thierry Jaradin, de 24 anos, atacou a estudante Alisson Cambier, de 15 anos, com duas facas. Tapando a boca da vítima para abafar seus gritos, ele a golpeou 30 vezes. Mais tarde, durante as investigações do crime, Thierry disse à polícia que seu crime havia, de fato, sido premeditado e motivado pela trilogia cinematográfica — em sua casa, uma túnica preta parecida com a do filme foi encontrada na cozinha, onde ele deixava as facas usadas no assassinato.

Personagem do filme (à esquerda) e Thierry Jaradin em seu julgamento / Crédito: Divulgação

 

4. Matthew Tinling X Jogos mortais 6, de Kevin Greutert

Foi inspirado nas cenas de tortura do filme que Matthew Tinling, de 25 anos, conhecido como assassino da serra, tentou remover a espinha do ex-soldado Richard Hamilton de 45 anos, com o intuito de paralisá-lo antes de matá-lo. O assassino torturou Hamilton, pedindo as senhas de sua conta bancária.

Matthew deu, ao todo, 17 golpes em Richard, acertando sua cabeça, pescoço e pernas no crime ocorrido em 2012. Com as senhas que conseguiu durante a sessão de tortura, ele retirou 240 libras para gastar em crack. Tinling negou envolvimento, mas estava ligado à cena por seu DNA. O assassino recebeu uma sentença mínima de 30 anos e, em março deste ano, foi condenado novamente, mas, dessa vez, a prisão perpétua.

Matthew Tinling, o assassino da serra / Crédito: Divulgação/Matthew Tinling

 

5. Jake Evans X Halloween, de Rob Zombie

Em 2012, Jacob Ryan "Jake" Evans assistiu ao remake de Rob Zombie do filme Halloween, no qual um garoto mata os próprios familiares e pensou se ele se sentiria como o personagem ao matar alguém. Foi por isso que decidiu, no dia 04 de outubro, pegar a arma de seu avô e atirar em pessoas de sua família.

Curioso para saber como iria se sentir, matou sua irmã, Mallory, de 15 anos, e sua mãe, Jami Evans, dentro da própria casa, com vários tiros. Após perceber que ficou “chocado e assustado”, desistiu do plano inicial — matar também os avós e outras duas irmãs — e ligou para a polícia. "Acabei de matar minha mãe e minha irmã", disse, ao telefone.

Aos investigadores, Jake alegou ter planejado matar os parentes depois de assistir ao filme. "Enquanto assistia, fiquei impressionado com a facilidade com que o garoto matava e com o pouco remorso que ele teve depois", descreveu. Depois de ser detido, disse que matar era a “coisa mais terrível e aterradora” que jamais irá experimentar. Ele foi condenado a 45 anos de prisão.

Jake Evans na cadeia / Crédito: Parker County Jail

 


+Saiba mais sobre casos reais através dos livros abaixo

O pior dos crimes, Rogério Pagnan (2018)

link - https://amzn.to/2Dv4UiK

Murder USA, Ken Rossignol (2019)

link - https://amzn.to/33rlNW8

Killer Clown Profile, Terry Sullivan, Peter T. Maiken (2019)

link - https://amzn.to/2R4jLZC

A sangue frio, Truman Capote (2003)

link - https://amzn.to/2Duugxd

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com a BlackFriday e estarão disponíveis até 01/12/2019. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.