Matérias » Personagem

A tragédia que abalou Hollywood: Há 59 anos, morria Marilyn Monroe

Em agosto de 1962, a história de uma das maiores artistas do cinema acabou em um episódio enigmático e em uma saga cruel

Thiago Lincolins Publicado em 06/08/2020, às 10h24 - Atualizado em 05/08/2021, às 11h00

Fotografia da atriz Marilyn Monroe
Fotografia da atriz Marilyn Monroe - Getty Images

Em um quarto amplo em Los Angeles, na Califórnia, uma cama larga, repleta de lençóis macios, chamava atenção. Bem no centro do colchão aconchegante, Marilyn Monroe, então aos 36 anos, parecia dormir. Foi esse o cenário encontrado por Ralph Greenson.

Naquele dia, em agosto de 1962, há 59 anos, o psiquiatra da atriz foi chamado por Eunice Murray, governanta de Marilyn. Surpresa por não conseguir falar com a artista ao bater em sua porta, a mulher teria acionado o profissional, que pulou a janela do quarto.

Ao invadir os aposentos da atriz, Greenson encontrou o símbolo de Hollywood sem roupas, cercada por uma cena trágica. Junto dela na cama, inúmeros frascos de remédios chamaram atenção do psiquiatra. Logo ele percebeu o inevitável: depois de tomar 40 pílulas, a atriz estava morta, mas isso não significa que seu corpo teria a paz eterna.

Segundo as autoridades, Monroeteria sofrido uma overdose de medicamentos. Os especialistas, contudo, logo descartaram a possibilidade da causa da morte ter sido uma intoxicação acidental, pois os limites dos remédios eram altos demais.

O caso, então, foi tratado como suicídio. Diversas teorias da conspiração, todavia, apontam que a atriz teria sido envenenada, em decorrência de seu suposto relacionamento com o até então presidente dos Estados Unidos, John F. Kennedy. Além desses lunáticos, um em específico teria perturbado a atriz mesmo depois da sua morte.

Atriz Marilyn Monroe em imagem colorizada / Crédito: Divulgação / Klimbim

 

A saga do cadáver de Monroe

Anos antes, em 1954, Richard Poncher, um empresário que já havia trabalhado para Al Capone, e sua esposa Elsie, haviam conhecido Joe DiMaggio, ex-marido de Marilyn.

Richard não hesitou em fazer um pedido insólito: o empresário queria adquirir a cripta do casal, localizada no Westwood Village Memorial Park, em Los Angeles. E, com a papelada do divórcio praticamente assinada, DiMaggio aceitou a proposta de Poncher

De DiMaggio, Poncher comprara a cripta acima da que pertenceria a Marylin Monroe. No ano de 1986, aos 81 anos, Richard veio a óbito. Em seus momentos finais, fez um pedido à mulher: seu corpo deveria ser enterrado de bruços.

Ele disse: ‘Se você não me colocar virado para baixo sobre Marilyn, vou assombrá-la pelo resto da minha vida'", contou Elsie em entrevista ao jornal LA Times.

Pedido atendido, seus restos estão até hoje lá, de bruços, sobre os daquela que foi chamada de a mulher mais sexy de todos os tempos. Poncher nunca entrou em detalhes, mas é difícil não ver um simbolismo vulgar e abusivo.

Por pouco, o caso não foi resolvido. Ou melhor: a mesma oportunidade pertenceu a outro. Sem dinheiro para pagar a hipoteca, em 2009, Elsie anunciou o leilão do túmulo de seu marido.

"Aqui está uma oportunidade única na vida e na eternidade para passar seus dias eternos diretamente em cima de Marilyn Monroe", dizia o anúncio publicado no Ebay. "Inclusive, a pessoa que está ocupando o local agora está olhando para baixo."

O lance final foi de US$ 2,5 milhões. No entanto, para a infelicidade da esposa, a compra não se concretizou. O corpo de Richard permanece sobre o de Monroe, e agora o cadáver de Elsie descansa na tumba do lado. Resultado: os fãs que visitam o túmulo da atriz não sabem, mas estão automaticamente dando um "oi" para o casal Poncher.

+Saiba mais sobre Marilyn Monroe por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Fragmentos: Poemas, Anotações Íntimas, Cartas, de Marilyn Monroe (2011) - https://amzn.to/2QA6UgD

Marilyn, de Norman Mailer (2013) - https://amzn.to/2wqNIex 

Norman Mailer/bert Stern. Marilyn Monroe (Edição Espanhol), de Norman Mailer e Bert Stern (2018) - https://amzn.to/2woaxPX

Uma Noite com Marilyn Monroe, de Lucy Holliday (2016) - https://amzn.to/2xY5JkvMy

Story (Edição Inglês), de Marilyn Monroe (2016) - https://amzn.to/2JaWi3s

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W