Matérias » Entretenimento

Sérgio Reis salvou atriz de jacaré durante gravação de 'Pantanal'

A histórica novela da Rede Manchete foi rodada em meio a animais exóticos do bioma brasileiro

Wallacy Ferrari Publicado em 19/02/2022, às 08h00 - Atualizado em 28/03/2022, às 16h32

Cristiana Oliveira caracterizada como 'Juma Marrua'
Cristiana Oliveira caracterizada como 'Juma Marrua' - Divulgação / Bloch

A novela Pantanal, exibida pela Rede Manchete em 1990, não apenas consolidou um sucesso histórico por bater a TV Globo em seu horário mais concorrido, mas mudou a forma que cativar o público brasileiro ao trocar os estúdios e cidades cenográficas das produções por imagens reais em locais contados pela trama.

Fazendo jus ao nome da obra, as gravações se dividiram entre os antigos estúdios da extinta emissora carioca e, justamente, no pantanal brasileiro, concentrando os atores e a equipe de captação em locais de paisagens no interior do Mato Grosso do Sul e podendo mostrar imagens reais do bioma brasileiro.

Contudo, os perrengues enfrentados pela equipe da emissora e pelo elenco durante a exposição ao clima repleto de símbolos da fauna e flora nacional renderam ocasiões curiosas, resultando em uma das maiores telenovelas da história da televisão brasileira – mesmo que alguns dos protagonistas tenham enfrentado episódios insólitos!

Cena onde o jacaré apareceu, momentos antes de intervenção / Crédito: Divulgação / Rede Manchete

Juma e o Jacaré

A protagonista Juma, personificada pela atriz Cristiana Oliveira, passou boa parte da trama em cenas rurais, com casas simples, no meio de florestas e até nos rios que banham o pantanal.

Neste último caso, uma cena em específico quase colocou em risco a integridade da musa da novela, mas não teve a água como principal vilã.

De acordo com o cantor e ator Sérgio Reis, que também participava da produção, um réptil foi visto se aproximando da protagonista em meio a gravação de uma cena na beira de um rio, chamando atenção do sertanejo, que pôde perceber antes de um possível ataque e correu em direção ao animal para afastá-lo.

De acordo com o portal Movimento Sertanejo, o ator explicou como se deu a passagem bizarra: “Não teve estúdio, nada. Muito pouca coisa em estúdio. Passamos um ano lá dentro (do Pantanal) com jacarés querendo pegar a Juma e eu meti o pé na cabeça dele, é a realidade, não brincadeira”, acrescentou.

Cristiana relembra

Em entrevista ao programa Domingo Show, da RecordTV, em 2019, a atriz participava de uma homenagem a carreira de Sérgio quando decidiu narrar detalhes do episódio.

No depoimento fora sobreposto a curiosa cena do jacaré, cujas imagens chegaram a ser usadas na edição final da novela.

“Eu lembro que eu estava sentada numa madeira, com as pernas atravessadas na madeira e estava limpando um peixe, para poder fazer a cena. E o Marcos Winter, que fazia o Jove, tava andando, assim, com a água do joelho. E eu estava lá, amarradona de Juma, tirando lá, e daqui a pouco eu só escuto o Serjão gritando, do outro lado: 'Juma, cuidado'. Quando eu olhei, assim, a cabecinha do jacaré!”, afirmou.

Ao concluir, ela agradeceu a intervenção do amigo: “Agora, você imagina, ele me salvou de ter perdido as mãos ou ter tido um ataque, pois ele tava sentindo o cheiro do peixe, ele viria direto pra minha mão, porque eu estava lá limpando o peixe, e o Serjão me salvou!”.