Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Matérias / Sylvester Stallone

A vez que Stallone detonou o Brasil: “Você pode explodir o país e vão dizer ‘obrigado’”

Declarações infelizes de Sylvester Stallone aconteceram após ator gravar ‘Os Mercenários’ no país em 2009, fazendo com que o artista se desculpasse

Redação Publicado em 17/07/2022, às 10h00

Sylvester Stallone em “Os Mercenários” (2010) - Divulgação/Lionsgate Films
Sylvester Stallone em “Os Mercenários” (2010) - Divulgação/Lionsgate Films

Gravar “Os Mercenários” (2010) no Brasil talvez tenha feito com que Sylvester Stallone ficasse com uma imagem não tão positiva do país assim. Isso porque, alguns meses depois das filmagens, o ator fez declarações que deixaram os brasileiros enfurecidos.

Falar mal de algum país não é positivo para a carreira de nenhum artista — especialmente do Brasil, uma nação grande com um enorme público para o entretenimento que não esquece fácil quando cai na boca de alguma celebridade.

No caso de Stallone, ele teve que vir a público se desculpar pelas falas infelizes feitas durante um painel da Comic-Con, a famosa feira de cultura pop que estava acontecendo no San Diego Convention Center, na Califórnia, nos Estados Unidos, em julho de 2010.

De acordo com a revista Variety, o caso ocorreu em uma mesa que abordava a “brutalidade” dos filmes de ação — que inclui “Os Mercenários” — onde o ator pôde contar como teve “liberdade” para usar mais violência, armas e destruições ao ter a experiência de gravar o filme no Rio de Janeiro.

Você pode explodir o país inteiro e eles vão dizer ‘obrigado, e aqui está um macaco para você levar de volta para casa’”, disse Stallone.

Críticas e desculpas

Segundo repercutiu o portal g1 na época do ocorrido, o episódio se tornou o assunto mais comentado do Twitter, com a frase "Cala boca Sylvester Stallone" chegando ao Trending Topic mundial no mesmo dia das declarações jocosas.

Em vista da repercussão das falas ofensivas, um comunicado oficial foi divulgado pela assessoria de imprensa do ator em que ele pedia desculpas pelo que havia dito durante a mesa na Comic-Con.

"Eu sinceramente peço desculpas ao povo brasileiro. Todas as minhas experiências no Brasil foram fantásticas e eu recomendei para todos meus amigos que filmassem lá", afirmou na nota.

"Ontem, eu tentei fazer um tipo humor e fui muito infeliz. Tudo que eu tenho pelo grande país que é o Brasil é muito respeito. Novamente, peço desculpas", acrescentou.

Brutalidade nos filmes

Divulgação de "Os Mercenários" / Crédito: Divulgação/Lionsgate Films

“Os Mercenários” conta com Bruce Willys, Mickey Rourke, Arnold Schwarzenegger, além da atriz brasileira Giselle Itié no elenco, e é um filme extremamente violento — o que se reflete nas idas dos atores ao hospital durante as gravações.

Stallone se machucou pelo menos uma vez durante as filmagens por ter dispensado dublê durante uma cena de luta, o que fez com que ele terminasse a cena sangrando, algo comum para produções do gênero.