Vitrine » Múmias

Corpo híbrido: a bizarra múmia da princesa com "cabeça de crocodilo"

Os curiosos restos mortais foram exilados no Palácio Topkapı, de Istambul, após um incidente assolar o sultão Abdulhamid II

Victória Gearini Publicado em 25/07/2020, às 07h41

Corpo híbrido da princesa egípcia
Corpo híbrido da princesa egípcia - Divulgação / Palácio Topkapı de Istambul

Há séculos, a curiosa múmia com a cabeça de uma menina e crocodilo intriga arqueólogos. Diferentemente de outras seis múmias de notórios nomes históricos — em exposição no Museu de Arqueologia de Istambul — este curioso corpo é mantido no Palácio Topkapı de Istambul, sob as ordens do antigo sultão otomano Abdulhamid II. 

A saga da múmia 

A curiosa múmia de Topkapi pertence a uma antiga princesa egípcia que não foi identificada e possui, ainda, a cabeça e o corpo de um crocodilo do Nilo. Acredita-se que a princesa teria sido morta após um ataque de crocodilo. Na época, os governantes do Egito Antigo decidiram juntar os dois corpos pois acreditavam que, assim, a jovem seria ressuscitada no corpo do réptil. 

Durante o século 19, o sultão otomano Abdulaziz ordenou que a múmia da princesa egípcia fosse transferida do Egito à Turquia, e exigiu que ela fosse mantida em sua residência oficial no Palácio Yıldız, em Istambul. Entretanto, mais tarde, o sultão Abdulhamid II ordenou que a intrigante múmia fosse exilada no palácio mais antigo de Topkapı.

O exílio da múmia da princesa egípcia

Na década de 50, o historiador turco İbrahim Hakkı Konyalı escreveu sobre a trajetória da múmia. De acordo com o pesquisador, durante uma noite, cerca de 400 moradores do Palácio de Yıldız teriam ficado assustados ao ouvir ruídos vindos do armazém de açúcar. Quando chegaram no local, se depararam com a cabeça de crocodilo em cima de um dos compartimentos.

Segundo o historiador, o ocorrido não passou de uma brincadeira de mal gosto feita pelo servo do palácio, Hacı Süleyman, que queria se vingar do fabricante de doces. Na mesma noite, Hacı Süleyman disse que poderia dar um novo destino à múmia, desde que recebesse os doces que o fabricante havia lhe prometido. 

No fim, o servo conseguiu o que queria, e durante semanas recebeu doces reais. No entanto, para aliviar a tensão entre os moradores do palácio — que mesmo após a revelação ficaram preocupados — o sultão ordenou que a múmia fosse exilada no Palácio Topkapı de Istambul para evitar mais dores de cabeça.


+Saiba mais sobre múmias por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Coleção A Múmia (DVD) - https://amzn.to/2JLcngM

Box - Trilogia - A Múmia (DVD) - https://amzn.to/34n85FW

Múmias do Egito: Livro de adesivos, de Kirsteen Robson (2010) - https://amzn.to/2xbi3hc

Múmias: Segredos dos Faraós, 2010, Estados Unidos, 39 min (Amazon Prime Vídeo) - https://amzn.to/2w5nJJp

Segredos do Dinossauro Mumificado, 2017, Estados Unidos, 53 min (Amazon Prime Vídeo) - https://amzn.to/2w5nJJp

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W