Tira-teima: Brasil na Primeira Guerra

Tira-teima: Brasil na Primeira Guerra

01/05/2006 00h00 Publicado em 01/05/2006, às 00h00 - Atualizado em 23/10/2017, às 16h36

Aventuras na História
Aventuras na História - Arquivo Aventuras

Como o Brasil lutou na Primeira Guerra?

O Brasil foi o único país da América Latina que participou da Primeira Guerra Mundial. Em 1917, os navios mercantes brasileiros Paraná, Tijuca e Lapa foram torpedeados por submarinos alemães em águas européias. Apenas após o afundamento do quarto navio, Macau, o presidente Wenceslau Brás resolveu declarar guerra à Alemanha e seus aliados, em 26 de outubro de 1917.

Atuação pequena

O país enviou um grupo de médicos e alguns pilotos da força aérea, que foram treinados na Europa, além de alimentos e matérias-primas aos países da Tríplice Entente. A Marinha recebeu a incumbência de patrulhar o Atlântico junto aos britânicos e criou a Divisão Naval de Operações de Guerra, formada por oito navios (três cruzadores, quatro contra-torpedeiros e um rebocador). A campanha da DNOG não foi das melhores. A guerra acabou logo após sua chegada à Europa e, durante a viagem, grande parte da tripulação foi dizimada pela gripe espanhola.

Compensações

A atuação do Brasil na guerra garantiu vantagens no Tratado de Versalhes. O país conseguiu autorização para ficar com navios germânicos aprisionados e com os depósitos bancários retidos desde 1914 na Alemanha, referentes às vendas de café.