Curiosidades » Monarquia

Esposas decapitadas e taxa de barba: 5 episódios conturbados do reinado de Henrique VIII

Dividindo opiniões até os dias atuais, o monarca entrou para a história ao mobilizar uma batalha para possibilitar seu divórcio

Wallacy Ferrari Publicado em 16/08/2020, às 09h00

Pintura retrata Henrique VIII usando chapéu real
Pintura retrata Henrique VIII usando chapéu real - Wikimedia Commons

Considerado o pior monarca da História inglesa pela Associação dos Escritores Históricos do Reino Unido, Henrique VIII marcou a monarquia como um líder que dividiu religiosamente o país, todavia, sua vida íntima também foi alvo de episódios extremamente conturbados. 

Confira a seguir 5 polêmicas envolvendo o reinado de Henrique VIII.

1. Morte de parentes

Uma lista de amigos, rivais e até familiares fazem parte das extensas listas de pessoas executadas em decorrência de suas decisões, desde que manifestassem oposição contra as ideias do monarca. Foi o caso de Eduardo Stafford, o 3º Duque de Buckingham, primo de primeiro grau assassinado após ser acusado de traição.

Seu cunhado, James IV da Escócia, pagou com a vida por decidir ficar ao lado da França quando entraram em guerra com ingleses. Edmund de La Pole, 3º Duque de Suffolk, primo do rei e marido de Elizabeth de York, acabou executado por decapitação; foi deixado de lado de uma anistia concedida por Henrique em 1509 e manifestou desrespeito a corte.


2. Taxa pela barba

Motivo de orgulho para uns, sinal exterior de riqueza e vaidade para outros, a barba sempre esteve presente no rosto de muitas personalidades ao longo da história. Como consequência, elas se tornaram alvo perfeito para a criação de um imposto. Essa insólita e maluca ideia ocorreu em 1535, durante o reinado de Henrique VIII.

Henrique VIII em vestimentas vermelhas e com barba / Crédito: Wikimedia Commons

 

O tributo era apenas uma justificativa para uma taxação equivalente a riqueza e posição social dos membros da alta sociedade, durando apenas alguns anos. A justificativa era de que, sendo um símbolo de poder, a barba externava a riqueza e, com isso, possibilitava uma tributação justa que poderia distribuir a riqueza de maneira igualitária.


3. Papa excomunga Henrique

O interesse de Henrique em ter um filho homem para herdar o trono inglês foi um dos principais motivos por sua insatisfação amorosa; com a necessidade de gerar um filho bastardo ou de trocar de esposa, o monarca teve de consultar o papa Clemente VII para possibilitar a decisão.

O líder religioso não aceitou a solicitação, mas Henrique pouco se importou, preferindo se desligar do catolicismo e fundar sua própria igreja, a Igreja Anglicana, que fez frente contra as decisões papais. O papa seguinte, Paulo III, manifestou incômodo e não só cortou laços com a Inglaterra como excomungou o rei, impossibilitando seu retorno futuro.


4. A saga das esposas

Após o encerramento do primeiro casamento com Catarina de Aragão, que durou 24 anos, o monarca iniciou uma série de separações e novos casamentos de curta duração para tentar gerir um filho do sexo masculino, além de manter outros relacionamentos extraconjugais.

As esposas do monarca sanguinário reunidas em montagem / Crédito: Wikimedia Commons

 

Teve seis esposas entre 1509 e 1547, sendo elas Catarina de Aragão (1509–1533), Ana Bolena (1533–1536), Joana Seymour (1536–1537), Ana de Cleves (1540), Catarina Howard (1540–1541) e Catarina Parr (1543–1547), sendo a última nomeada Rainha Viúva após o falecimento de Henrique.


5. Esposas decapitadas

Das seis companheiras oficiais do monarca, duas tiveram um fim trágico em decorrência de seu comportamento abusivo e controlador. Ana Bolena foi responsável por convencer Henrique a largar a primeira esposa, culminando da briga política que massacrou milhares. Porém, por não conseguir gerar um filho homem e ser acusada de traição, acabou sendo executada pelo marido.

Aos 49 anos, Henrique casou-se novamente, mas com uma menina de 16 anos, chamada Catherine Howard. Seu casamento foi curto, durando apenas um ano, pois Catherine foi acusada de adultério, o que acabou na sua condenação, três meses após assumir o cargo de rainha. Como consequência acabou sendo decapitada. 


++Saiba mais sobre Henrique VIII por meio das obras disponíveis na Amazon:

As seis mulheres de Henrique VIII, de Antonia Fraser (2009) - https://amzn.to/2tNL9BV

A famosa história da vida do rei Henrique VIII: 30, de William Shakespeare (2016) - https://amzn.to/2S2wXNw

Os Ultimos Dias de Henrique VIII Conspirações, traições e heresias na corte do rei tirano, de Robert Hutchinson (2010) - https://amzn.to/2RznyxS

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W