Curiosidades » Conflitos

Os 10 Golpes de Estado mais sangrentos da História

A América do Sul surge tristemente como a campeã no quesito violência política

Simone Bitar Publicado em 28/10/2019, às 12h29

None
Divulgação

1. CHINA - LEVANTE DE WUCHANG (1911)

Em 10 de outubro, conspiradores que se opunham à política pró-ocidente do imperador Pu Ui se sublevaram contra o governo. Parte do Exército imperial aderiu ao movimento e os revoltosos tomaram o poder, encerrando 2 mil anos de regime imperial.

2. ARGENTINA - REVOLUÇÃO LIBERTADORA (1955)

Conspiradores civis e militares depuseram o presidente Juan Domingo Perón da presidência argentina. Além de perder o controle sobre a economia, Perón entrara em choque com a Igreja Católica. O banho de sangue veio quando a Marinha e a Força Aérea bombardearam a Plaza de Mayo. Grupos de apoio a Perón reagiram incendiando igrejas.

3. CHILE -  GOLPE DE ESTADO (1973)

Em 11 de setembro, o Exército bombardeou o Palácio de La Moneda, sede do governo.
No conflito, morreu o presidente Salvador Allende (a causa da morte, suicídio ou assassinato, é controversa). O general Augusto Pinochet assumiu o comando. O número de mortos não parou de aumentar.

4. ARGENTINA - GOLPE DE ESTADO (1976) 

Uma junta de comandantes do Exército, Força Aérea e Marinha assumiu, em 24 de março, a presidência do país, após depor Isabelita Perón (esposa de Juan Perón, morto dois anos antes). A repressão policial começou antes do golpe, contra guerrilheiros de esquerda.

5. IRà - REVOLUÇÃO IRANIANA (1978-1979)

O golpe colocou fim à monarquia iraniana, que tinha o xá Mohammad Reza Pahlevi à
frente, e instalou uma república islâmica teocrática, comandada pelo aiatolá Ruhollah Khomeini. Pahlevi era acusado de ser pró-ocidente.

6. BOLÍVIA -  MASSACRE DE TODOS OS SANTOS (1979)

A forte reação da Central Obrera Boliviana ao golpe militar de 1º de novembro (Dia de Todos os Santos), dado pelo coronel Alberto Natusch Busch contra o presidente Walter Guevara Arze, resultou no massacre dos opositores. Os manifestantes não se intimidaram e 16 dias depois o coronel foi obrigado a renunciar.

7. GUINÉ EQUATORIAL - GOLPE DE ESTADO (1979)

O ditador Francisco Macías Nguema foi deposto por seu sobrinho Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, em 3 de agosto, acusado de loucura. Francisco condenou à morte membros da própria família, ordenou o genocídio de uma tribo e colocou fogo em
milhões de notas de dólar. Foi fuzilado em 29 de setembro.

8. SUDÃO - GOLPE DE ESTADO (1989)

Em 30 de junho, o coronel Omar al-Bashir chefiou um golpe sem derramamento de sangue contra o governo do primeiro-ministro Sadiq al-Mahdi. Mas logo em seguida deu início a um período de extrema violência. Militares de alto escalão no Exército foram executados, partido políticos proibidos e aldeias bombardeadas. Ainda está no poder.

9. GEÓRGIA - GOLPE DE ESTADO (1992-1993)

Em meio aos conflitos étnicos e guerra pela independência da Ossétia do Sul e Abecásia contra a Geórgia, um golpe de Estado em 21 de dezembro depôs Zviad Gamsakhurdia, eleito democraticamente presidente. Gamsakhurdia reagiu e as lutas que se seguiram destruíram a Avenida Rustaveli, principal da capital, Tbilisi.

10. MALI - GOLPE DE ESTADO (2012)

Em 21 de março, soldados amotinados do Exército malinês atacou o palácio presidencial na capital Bamako e depôs o presidente Amadou Toumani Touré. Os militares estavam insatisfeitos com a condução da luta contra os tuaregues, no norte do país, que se aproveitaram da confusão para aumentar seus ataques. Mais de 100 mil civis foram expulsos de suas cidades pelo conflito. 


Saiba mais sobre estes golpes de Estado:

1. China - Golpe de Estado en China, de  Joe J. Dark - https://amzn.to/32SjjAw

2. The Argentine Revolutions of 1955: Revolución Libertadora, de  Santiago Rivas - https://amzn.to/34dQNth

3. O longo adeus a Pinochet, de Ariel Dorfman (2003) - https://amzn.to/31Rvbl1

4. A Ditadura Militar Argentina. Do Golpe de Estado à Restauração Democrática, de  Marcos Novaro (2007) - https://amzn.to/2JuyKan

5. A Revolução Iraniana, de Osvaldo Coggiola (2005) - https://amzn.to/31TCLf9

6. Bolívia: Democracia e Revolução - A Comuna de La Paz de 1971, de Everaldo de Oliveira Andrade (2011) - https://amzn.to/336jacI

7. Chronica Do Descobrimento E Conquisita de Guine, de De Zurara e Gomes Eanes (2013) - https://amzn.to/2MWSZzX

8. Fé, Guerra e Escravidão: uma História da Conquista Colonial do Sudão (1881-1898), de Patricia Teixeira Santos (2013) - https://amzn.to/2MVPGJ7

9. Uma breve história dos Estados Unidos, de James West Davidson (2016) - https://amzn.to/2BRVw88

10. Amadou Toumani Touré, de Lambert M. Surhone (2011) - https://amzn.to/2WpoqpE

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página. ​