Curiosidades » Família Real Britânica

Por que Kate Middleton não é reconhecida como princesa?

Diferente do que muitos acreditam, a esposa do príncipe William possui apenas a honraria de Sua Alteza Real, a Duquesa de Cambridge

Daniela Bazi Publicado em 28/03/2021, às 08h00

Fotografia de Kate Middleton durante videoconferência
Fotografia de Kate Middleton durante videoconferência - Divulgação/Palácio de Kensington

Catherine Middleton nasceu plebeia no ano de 1982, em uma cidade no sul da Inglaterra, sendo a mais velha de três crianças. Filha de um ex-comissário de bordo e uma ex-aeromoça, sua família passou a ganhar dinheiro após a abertura de uma empresa de artigos infantis, que garantiu um bom sustento para todos.

Quando jovem, Kate entrou para a Universidade de St. Andrews, na Escócia, para cursar História da Arte. Foi lá que, de acordo com o biógrafo real Christopher Anderson no livro “William and Kate: A Royal Love Story”, em 2001 conheceu o homem com quem se casaria anos depois: o príncipe William.

Ambos estavam no mesmo curso, e logo se tornaram próximos, conforme confirmado pela própria duquesa durante uma entrevista concedida pelo casal à BBC. “William não estava lá no começo das aulas, na semana dos calouros, então demorou um pouco para a gente se conhecer, mas nós nos tornamos muito amigos desde o começo”, revelou Kate.

William e Kate em 2011 / Crédito: Wikimedia Commons

 

Após um tempo, a dupla finalmente engatou um relacionamento, que foi escondido da imprensa por cerca de dois anos. Catherine foi a primeira namorada oficial de William, que era considerado um dos solteiros mais cobiçados do mundo — afinal, se tratava do futuro rei do Reino Unido.

O pedido de casamento aconteceu cerca de oito anos após o início do relacionamento, durante uma viagem romântica no Quênia. Na ocasião, o príncipe presenteou a sua amada com uma importante relíquia de sua família: o anel de noivado utilizado por sua mãe.

Casamento e título

No dia 29 de abril de 2011, o mundo acompanhava novamente um conto de fadas se tornar realidade. Uma plebeia se casava com o herdeiro do trono e, automaticamente, assumia o cargo de futura rainha consorte da nação. Contudo, com o matrimônio, Kate não recebeu o título de princesa como era esperado por muitos, apenas a honraria de Sua Alteza Real, a Duquesa de Cambridge.

Isso acontece devido as tradicionais leis britânicas. Segundo a carta-patente emitida pelo rei George V em 1917, só podem ser considerados príncipes e princesas os filhos, netos e o bisneto que for filho mais velho do primogênito do Príncipe de Gales. Ou seja, membros da família real. Como Catherine nasceu plebeia, logo ela não possui esse direito.

Todos os seus três filhos, no entanto, passaram a ser reconhecidos como príncipes e princesas após uma nova carta-patente emitida pela rainha Elizabeth II no ano de 2012. De acordo com a antiga lei, apenas George, o mais velho, poderia receber essa honraria, enquanto seus irmãos precisariam esperar para que seu avô, o príncipe Charles, assumisse o trono.

Imagem do príncipe William e sua família / Crédito: Divulgação/Kensington Palace

 

Também é importante lembrar que Princesa e Princesa de Gales são dois títulos diferentes, mas que podem causar bastante confusão.

Princesa de Gales é o título dado a todas as esposas dos herdeiros homens do trono britânico. Sendo assim, mulheres que nasceram plebeias podem acabar recebendo a honraria devido ao casamento.

Isso é o que poderá acontecer com Kate quando seu sogro se tornar rei, e caso ele decida passar o título de Príncipe de Gales para William. Somente após a cerimônia de investidura do seu marido que, finalmente, Catherine poderá ser considerada de fato uma princesa.


+Saiba mais sobre a família real britânica por meio das obras disponíveis na Amazon:

Diana. O Último Amor de Uma Princesa, de Kate Snell (2013) - https://amzn.to/2TgHgPO

The Queen: The Life and Times of Elizabeth II (Edição Inglês), de Catherine Ryan (2018) - https://amzn.to/2RhgNA7

God save the queen - O imaginário da realeza britânica na mídia, de Almeida Vieira e Silva Renato (2015) - https://amzn.to/2xTkiGd

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7