Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Amber Heard

Amber Heard quebra silêncio sobre ataques na internet: 'Não me importo'

Amber Heard deu a primeira grande entrevista após perder o processo de difamação movido por Johnny Depp

Redação Publicado em 13/06/2022, às 11h21

Amber Heard durante a entrevista - Divulgação/Vídeo/Today
Amber Heard durante a entrevista - Divulgação/Vídeo/Today

Amber Heard se tornou um dos nomes mais comentados nos primeiros seis meses de 2022. Em abril, ela encarou um processo de difamação movido por seu ex-marido, o ator Johnny Depp. O resultado saiu no último mês, com a condenação de ambos os lados. 

Amber Heard encontrou ainda mais obstáculos ao ser condenada a pagar uma indenização reduzida para US$ 8 milhões. Já Depp, terá que indenizar a atriz em US$ 2 milhões. 

Em entrevista ao Today, da NBC, divulgada nesta segunda-feira, 13, Heardquebrou o silêncio sobre a condenação e também sobre os ataques sofridos pelo tribunal da internet nos últimos meses.

Heard não culpa o júri pelo resultado favorável ao astro de 'Piratas do Caribe'. "Eu não os culpo", disse Amber. "Eu realmente entendo. Ele é um personagem amado e as pessoas sentem que o conhecem. Ele é um ator fantástico", continuou. 

Sobre os ataques sofridos na internet, Amberfoi direta e disse que não se importa sobre o que os internautas julgam a seu respeito. Além de Tweets que descrebilizavam o que foi dito por Heard no tribunal, uma petição que atingiu mais de 4 milhões de assinaturas pedia sua demissão do filme 'Aquaman'. 

"Eu não me importo com o que alguém pensa sobre mim ou quais julgamentos você quer fazer sobre o que aconteceu na privacidade da minha própria casa, no meu casamento, a portas fechadas. Eu não presumo que uma pessoa comum deva saber dessas coisas. E por isso não levo para o lado pessoal", disse Amber.

Ela também diz que a repercussão do caso nas redes sociais não foi 'justa'.

"Mas mesmo alguém que tem certeza de que eu mereço todo esse ódio e crueldade, mesmo que você pense que estou mentindo, você ainda não pode me olhar nos olhos e me dizer que acha que nas mídias sociais houve uma representação justa. Você não pode me dizer que acha que isso foi justo", enfatizou Heard.