Notícias » Brasil

Após furtar carro funerário que transportava corpo, homem sofre acidente em Santa Catarina

Inusitado caso aconteceu enquanto agente funerário parava para comprar flores que levaria para rito funerário

Fabio Previdelli Publicado em 18/01/2021, às 10h34

Carro funerário que foi furtado em SC
Carro funerário que foi furtado em SC - Divulgação

Na noite do último sábado, 16, um agente funerário do município de Laguna, em Santa Catarina, viveu uma situação inusitada: enquanto transportava um corpo para um velório, ele fez uma breve parada em uma floricultura para comprar flores para o velório. No entanto, no pouco tempo em que esteve longe do veículo, o mesmo foi furtado por um rapaz.  

Como se já não bastasse o fato, o homem de apenas 22 anos que roubou o veículo, se envolveu em um acidente de trânsito com o carro e teve de ser encaminhado até o hospital. As informações são do UOL

Segundo a dona da floricultura, o agente funerário parou com o veículo em frente à loja para buscar um arranjo de flores. "O agente funerário chegou por volta das 20h50. Às 20h54, ele foi sair com as flores, e o carro não estava mais ali. Como de costume, ele desceu só para escolher as flores, assinar a notinha e sair. [Essa ação] Não dá mais que quatro minutos", explicou Elisângela de Castro Alves, dona da loja. 

Porém, nesse meio tempo, como tinha deixado à chave na ignição, o veículo acabou sendo furtado. Nas câmeras de segurança da loja, é possível ver o momento em que o homem entra no carro e sai dirigindo normalmente.  

Após verem as imagens da câmera, os dois acionaram a Polícia Militar, que logo compareceu ao local e iniciou a busca pelo veículo. O mesmo só foi encontrado a cerca de 50 quilômetros dali, quando o homem se envolveu em um acidente na SC-390. Ele havia saído da pista caído em um barranco.  

Após a chegada do Corpo de Bombeiros, foi constatado que ele estava com sinais de embriaguez. Com isso, recebeu voz de prisão, mas antes de ser conduzido até a delegacia da cidade de Tubarão, o rapaz foi conduzido até o hospital mais próximo.  

De acordo com os polícias, o jovem tinha pegado o carro para visitar parentes em uma região próxima. A funerária teve de acionar outro veículo para prosseguir com o enterro que aconteceu em Laguna.