Notícias » Europa

Austríaco que pegou covid de propósito para evitar vacina morre da doença

O homem havia frequentado uma "festa da covid" com a intenção de ser infectado pelo vírus

Paola Orlovas, sob supervisão de Isabela Barreiros Publicado em 27/11/2021, às 11h39

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Getty Images

Um austríaco de 55 anos morreu após frequentar uma "festa da covid" na cidade italiana de Bolzano, com a intenção de ser infectado pelo coronavírus. De acordo com o veículo italiano Il Dolomiti, o homem queria ganhar um “passe verde”, cobrado em diversos países europeus para que os habitantes possam trabalhar ou frequentar áreas de lazer.

Para obter um “passe verde” os moradores de países da Europa devem mostrar um certificado de vacinação completa ou provar que se recuperaram da covid-19 nos últimos seis meses. As informações são do portal de notícias UOL.

O coordenador da unidade anti-covid de Bolzano, Patrick Franzoni, afirmou durante uma entrevista ao Il Dolomiti que festas como essa se tornam cada vez mais comuns não apenas na Áustria e na Itália, como em outros países da região dos Alpes. Alemanha, França, Suíça, Eslovênia, Mônaco e Liechtenstein foram as nações citadas pelo médico.

Franzoni ainda explicou que nas "festas da covid" pelo menos um dos frequentadores já testou positivo, e essa pessoa infectada recebe abraços e compartilha drinks com aqueles que buscam ser infectados pelo vírus.