Notícias » Brasil

Bolsonaro afirma que Amazônia não sofre com desmatamento: 'Mais de 90% da área está preservada'

Jair Bolsonaro compareceu a um evento em Dubai, durante o qual afirmou que a floresta está "exatamente igual" desde 1500

Ingredi Brunato, sob supervisão de Pamela Malva Publicado em 15/11/2021, às 10h00

Imagem de incêndio nas Candeias do Jamari, em agosto de 2019
Imagem de incêndio nas Candeias do Jamari, em agosto de 2019 - Getty Images

Em um evento de investidores realizado em Dubai, capital dos Emirados Árabes Unidos, nesta segunda-feira, 15, Jair Bolsonaro afirmou que a Amazônia não sofre com o desmatamento, e que também não pega fogo pelo fato de ser uma "floresta úmida", ambas informações que são amplamente contrariadas por dados. 

"Um passeio pela Amazônia é algo fantástico. Com certeza, uma viagem inesquecível. Além de turismo, vocês poderão conhecer o que seria um paraíso aqui na Terra. Vocês comprovarão isso [se forem visitá-la] e trarão uma imagem que condiz com a realidade", afirmou o presidente. 

Segundo repercutido pela Folha de São Paulo, as falas de Bolsonaro teriam sido uma tentativa de melhorar a reputação do governo em relação às suas políticas ambientais, que foram criticadas em escala mundial nos últimos anos.

Os ataques que o Brasil sofre quando se fala em Amazônia não são justos. Mais de 90% daquela área está preservada. Está exatamente igual a quando o Brasil foi descoberto em 1500", disse Bolsonaro

Para colocar a frase em perspectiva, um estudo publicado na revista Science Advances em 2018 dizia que, contando a partir da década de 1970, a porção do bioma que se encontra em território brasileiro havia perdido 20% de extensão para o desmatamento

Além de falar sobre a suposta condição da Amazônia, Jair Bolsonaro também convidou a plateia de empresários de Dubai para investirem na agricultura brasileira, declarando que o país estava "de portas abertas" para negócios que atuam nessa área.