Notícias » Arqueologia

Casa senhorial romana identificada recentemente é saqueada na Inglaterra

Pouco depois de a importante descoberta arqueológica ser feita, vândalos invadiram a propriedade e danificaram o local

Isabela Barreiros, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 22/04/2021, às 15h51

Casa romana descoberta em Scarborough
Casa romana descoberta em Scarborough - Divulgação/Historic England

Na última semana, o site Aventuras na História repercutiu a descoberta de uma construção que pesquisadores apelidaram de ‘casa senhorial’ romana na região de Scarborough, em North Yorkshire, Inglaterra. Agora, como informou a LiveScience, o local foi saqueado por vândalos. 

"Estamos cientes de uma série de incidentes de atividade ilegal no local dos edifícios romanos recém-descobertos em Eastfield na semana passada. Como o potencial arqueológico da área é conhecido publicamente há algum tempo, é um ponto importante para a detecção ilegal de metais, também conhecido como 'nighthawking'”, explicou o inspetor de monumentos antigos na Inglaterra Histórica Keith Emerick, à BBC.

Pessoas invadiram o local, que guarda o que foi considerada "facilmente a descoberta romana mais importante da última década" pelo jornal The Guardian, e danificaram o terreno. Os vândalos usaram detectores de metal para tentar encontrar possíveis artefatos históricos no subsolo. No entanto, não se sabe se eles conseguiram levar algo.

Fotografia das construções encontradas no canteiro de obras / Crédito: Divulgação/Historic England

 

Um porta-voz da Polícia de North Yorkshire afirmou: "Infelizmente, o crime patrimonial pode causar enormes danos a bens de grande interesse histórico. De fato, o custo do crime patrimonial para as comunidades é frequentemente imensurável, resultando na perda de artefatos para as gerações futuras."

Ao acaso

Ao longo das escavações, arqueólogos identificaram um grande complexo de edifícios no local, descoberta que foi anunciada na semana passada.

Entre eles estavam uma casa de banhos, uma sala central com vários quartos e restos mortais humanos. As estruturas foram encontradas totalmente ao acaso durante a construção de um conjunto habitacional.

De acordo com o inspetor de monumentos antigos, Keith Emerick, a descoberta é potencialmente "a primeira desse tipo" já desenterrada na região. Ele disse que a situação foi "mais do que jamais sonhamos descobrir".