Notícias » Inglaterra

Chocolate encomendado pela rainha Vitória há 121 anos é encontrado na Inglaterra

O doce fazia parte de uma edição especial enviada para soldados da tropa britânica

Penélope Coelho Publicado em 01/04/2021, às 13h19

Chocolate de 121 anos encontrado na Inglaterra
Chocolate de 121 anos encontrado na Inglaterra - Divulgação/Twitter/ National Trust

De acordo com informações da agência de notícias Reuters, divulgadas nesta quinta-feira, 1, pelo portal UOL, algo peculiar foi encontrado no sótão da mansão Oxburgh Hall, localizada em Norfolk, Inglaterra. Trata-se de uma barra de chocolate de 121 anos.

Segundo revelado na publicação, o doce havia sido uma encomenda realizada pela rainha Vitória, em 1900. Na ocasião, a monarca pediu para que chocolates de uma conceituada confeitaria britânica fossem enviados como um presente para os soldados ingleses que estiveram em combate na África do Sul, durante a Segunda Guerra dos Bôeres (1899 - 1902).

O chocolate descoberto recentemente pertencia ao aristocrata Henry Edward Paston-Bedingfield, o inglês — que participou da batalha na África do Sul — deixou o presente da rainha intacto.

O doce foi encontrado em sua embalagem original, depois de uma inspeção na propriedade do britânico, que só foi realizada após a morte da filha de Henry, Frances Greathead.

Outro detalhe interessante chamou a atenção nessa história: a lata em que o chocolate estava guardado vem com uma mensagem supostamente escrita pela própria rainha: "Desejo-lhe um Feliz Ano Novo" e "África do Sul 1900”, além disso, a caixa ainda foi estampada com um retrato de Vitória.

Anna Forrest, responsável pela curadoria de patrimônio cultural do National Trust, instituição de caridade que cuida da mansão Oxburgh Hall, afirmou que o doce foi encontrado em ótimas condições: "Embora você não o queira [chocolate] como seu deleite de Páscoa, ainda está completo e é um achado notável", revelou.