Notícias » Entretenimento

"Decidi que não era música boa", diz Björk sobre Beatles

O mais novo projeto da artista é uma grande playlist com suas faixas favoritas de outros músicos - os Beatles, todavia, não estão entre eles

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 01/03/2021, às 15h44

Fotografia de Björk durante show
Fotografia de Björk durante show - Wikimedia Commons

Segundo divulgado pela revista PapelPop, a cantora Björk revelou em uma entrevista recente ao podcast Sonos Radio Hour que nunca foi fã dos Beatles. As informações também foram repercutidas pela Rolling Stone Brasil.

“Eu lembro da capa do Yellow Submarine. E lembro que eu tinha três anos de idade e decidi que aquilo não era música boa, que eu não gostava daquilo”, declarou a artista islandesa, que é conhecida por seu estilo único e criativo. 

A revelação foi feita no contexto da nova estação de rádio criada por Björk, que se chama “21 Years Worth Of Wave Files Liquidated Into A Stream”, e foi anunciada pela cantora através de suas redes sociais na quarta-feira passada, 24. 

O projeto - que consiste em uma grande playlist - reúne as músicas favoritas da artista, acumuladas pela artista ao longo dos últimos 21 anos (nenhuma foi produzida pelos Beatles, todavia, uma vez que os trabalhos da banda não são do gosto da cantora). 

“Desde o meu primeiro laptop, tenho comprado CDs, encontrado fitas cassete desajeitadamente, procurado vinis em lojas secretas em minhas viagens e reunido todos eles em uma biblioteca de lindos arquivos. Era apenas uma questão de tempo para que eu os compartilhasse e então de outra forma”, explicou Björk, segundo foi repercutido pelo site Dazed. 

Já no podcast Sonos Radio Hour, a islandesa contou que: “Aqui tem música para casamentos, solidão, dança, partidas de xadrez amigáveis ​​ou caminhadas. Agradeço a todos os músicos que salvaram minha vida repetidamente ao longo dos anos e espero que vocês gostem disso tanto quanto eu".