Notícias » Brasil

Denúncia revela que Bolsonaro teria pedido para que termo ‘Golpe de 1964’ fosse trocado por ‘revolução’ no Enem 2021

Servidores do Inep alegam que o presidente teria solicitado a mudança para o Ministro da Educação

Redação Publicado em 19/11/2021, às 09h40

Jair Bolsonaro, em agosto de 2020
Jair Bolsonaro, em agosto de 2020 - Getty Images

Nesta sexta-feira, 19, servidores do Inep, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais, realizaram denúncias a respeito de um suposto pedido do presidente do Brasil,Jair Bolsonaro, em relação ao Exame Nacional do Ensino Médio, Enem.

De acordo com informações publicadas pelo jornal Folha de São Paulo, os servidores afirmam que Bolsonaro teria solicitado ao Ministro da Educação, Milton Ribeiro, que o termo ‘Golpe de 1964’ fosse trocado por ‘revolução’.

Sabe-se que o termo se refere ao período da Ditadura Militar no Brasil (1964-1985). Segundo revelado na reportagem, o pedido do presidente teria acontecido diretamente a Milton, no primeiro semestre. O que levou a solicitação ao INEP.

De acordo com os servidores, algumas reuniões aconteceram para discutir o tema, mas, nenhum plano prático para atender a solicitação teria sido realizado.

A denúncia acontece em meio a polêmicas envolvendo o presidente do país e denúncias de tentativas de interferir na prova, o que se comprovado seria ilegal.

Quase 40 funcionários do Inep pediram demissão alegando ‘fragilidade técnica e administrativa da atual gestão’. Sabe-se que após o ocorrido, Bolsonaro alegou publicamente que o exame deste ano irá ter “a cara do governo”.