Notícias » Brasil

Deputado federal Kim Kataguiri afirma ter se arrependido de voto em Jair Bolsonaro

Declaração tem como origem o modo como o presidente, atualmente sem partido, tem encarado a crise gerada pela pandemia do novo coronavírus

Caio Tortamano Publicado em 28/07/2020, às 15h05

Jair Bolsonaro, presidente do Brasil
Jair Bolsonaro, presidente do Brasil - Getty Images

Em entrevista para a Istoé, o deputado federal Kim Kataguiri, do Democratas, afirmou que se arrepende de ter votado em Jair Bolsonaro nas eleições de 2018. Kataguiri é um dos fundadores do Movimento Brasil Livre, e um dos principais articuladores do impeachment de Dilma Rousseff em 2016.

Durante toda campanha eleitoral de Jair Bolsonaro (atualmente sem partid), Kataguiri foi um dos maiores apoiadores do presidente eleito. Agora, o deputado classifica como criminosa a atuação do governo diante da pandemia do novo coronavírus, “é uma negligência criminosa. Bolsonaro precisa, sim, ser responsabilizado por negar os pareceres técnicos do Ministério da Saúde”.

O jovem político de 24 anos questionou, inclusive, como o dinheiro destinado para o combate da pandemia está sendo utilizado pelo governo. Kataguiri afirmou que o presidente só utilizou um terço desse dinheiro, enquanto ele proporciona que “parcela significativa da população brasileira morra ou sofra gravemente com coronavírus”.

Deputado federal Kim Kataguiri (DEM) / Crédito: Wikimedia Commons

 

Além de revelar que não irá apoiar Bolsonaro, Kim mantém sua forte oposição ao Partido dos Trabalhadores (PT), e afirmou que se o atual presidente e um candidato petista se enfrentassem no segundo turno das eleições de 2022, anularia o voto.