Notícias » Mundo

Escassez de comida leva ursos a atacarem túmulos na Rússia

O comportamento incomum dos animais foi observado em mais de uma cidade, como resultado de um verão mais quente que o esperado

Ingredi Brunato Publicado em 05/11/2020, às 15h10

Fotografia de um dos túmulos revirados
Fotografia de um dos túmulos revirados - Divulgação

Recentemente, a cidade de Nizhny Tagil, na Rússia, têm encontrado seus cemitérios com os túmulos revirados. Os responsáveis são ursos famintos, que tem recorrido aos cadáveres por conta da escassez de comida na região. 

Após identificarem 10 túmulos que foram atacados, foi instalada uma patrulha armada na área, para garantir que os amigos e familiares de luto conseguissem visitar as sepulturas dos seus falecidos sem se preocupar com a possível presença dos predadores. 

A explicação por trás dos ursos buscando alimento nessa fonte improvável é o verão mais quente que o usual que a Rússia teve no último ano. Isso porque esse aumento da temperatura acabou impedindo o crescimento de plantas silvestres que alimentam os animais, obrigando-os a buscar outras formas de sobreviver. 

Inclusive, como o verão foi anormal em mais de uma região russa, também não é a primeira vez que uma das cidades do país tem o problema esse ano. Em outra, inclusive, chamada Nizhnyaya Tura, onde túmulos também estavam sendo violados pelos animais, um dos políticos posou com um urso morto em um post no Facebook. 

Fotografia de político russo ao lado de urso morto - Crédito: Divulgação/ Facebook 

 

Na publicação, ele segura a pata do mamífero no ar como se o bicho dissesse “oi”, e a legenda menciona um “casaco de pele” em que o político pretendia transformar o animal. O caso rendeu diversas críticas, fazendo com que o homem a apagasse a foto mais tarde.