Notícias » Brasil

Exposição com valiosos itens egípcios — incluindo uma múmia — chega a São Paulo

Contando com inúmeros itens, como impressionantes estátuas e caixões, a mostra acontecerá até maio no Centro Cultural Banco do Brasil

Caio Tortamano Publicado em 20/02/2020, às 16h20

Os presentes na exposição
Os presentes na exposição - Divulgação/ Museo Egizio

O acervo riquíssimo do Museu Egípcio de Turim, na Itália, está em exposição na cidade de São Paulo. Tendo atraido mais de 1 milhão de pessoas durante sua exibição no Rio de Janeiro, e exposição foi inaugurada dia 19 de fevereiro e estára no Centro Cultural Banco do Brasil, no centro da capital paulista, até 11 de maio.

140 itens estão na mostra, sendo somente 3 destes réplicas. As outras 137 são peças egípcias originais, e contam com esculturas, caixões e até mesmo uma múmia de verdade. O museu italiano conta com o terceiro maior acervo egípcio do mundo, atrás somente do Museu do Cairo e Louvre.

A múmia, o item mais instigante da mostra, pertence à mulher de alto status social na sociedade egípcia, Tararo. Com poucos 1,5 metros ela viveu em aproximadamente 700 a.C. Além dela, um dos destaques da exposição fica com uma estátua de quase 2 metros, representando a deusa Sekmet, com a cabeça de leão.

Uma réplica de seis metros da Pirâmide de Gizé preenche os salões do Centro Cultural, contando também com a reprodução da tumba da rainha Nefertari, esposa de Ramessés II, em tamanho real.


Serviço

Rua Álvares Penteado, 112 – Centro, São Paulo

(11) 3113-3651 | quarta a segunda, das 9h às 21 horas

Entrada gratuita (Inscrições feitas pelo link)