Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Entretenimento

Filha de Elvis aprova nova cinebiografia: ‘Nada menos que espetacular’

Lisa Marie Presley elogiou o filme biográfico que conta com Austin Butler como o Rei do Rock

Redação Publicado em 16/05/2022, às 12h36

Lisa Marie Presley e Austin Butler como o Rei do Rock em "Elvis" (2022) - Getty Images / Divulgação/Warner Bros
Lisa Marie Presley e Austin Butler como o Rei do Rock em "Elvis" (2022) - Getty Images / Divulgação/Warner Bros

Lisa Marie Presley, filha do Rei do Rock, veio às redes sociais para elogiar a cinebiografia de Baz Luhrmann que conta com Austin Butler no papel do músico. A artista contou que já viu a produção duas vezes, exaltando tanto o diretor quanto o ator que a estrelou.

Na publicação, feita em seu perfil no Twitter, a cantora relembrou que estava afastada da internet desde a morte do filho Benjamin Keough em julho de 2020, mas que precisava “tirar um tempo” para falar sobre “Elvis” (2022) ainda em meio ao luto.

“Eu quero tirar um tempo para dizer a vocês que assisti ao Elvis [do diretor] Baz Luhrmann duas vezes. Preciso dizer que não é nada menos do que espetacular. Absolutamente primoroso. Austin Butler canalizou e incorporou a alma e o coração do meu pai de uma maneira linda,” afirmou Lisa Marie.

Ela continuou: “Na minha humilde opinião, a performance dele é sem precedentes e finalmente precisa e respeitosa. (Se ele não ganhar um Oscar por isso, vou comer meu próprio pé haha). Você consegue sentir e testemunhar o amor puro, carinho e respeito de Baz pelo meu pai através desse lindo filme, e finalmente é algo que eu, meus filhos e os filhos deles poderão se orgulhar para sempre.”

O legado de Elvis

A filha do astro do rock também destacou a importância de poder assistir à produção com os outros filhos, lamentando que Keough não pôde vê-lo, mas que, com certeza, também o amaria.

“O que me encheu de lágrimas foi ver Riley, Harper e Finley [filhos de Lisa Marie], os três visivelmente emocionados da melhor maneira possível e cheios de orgulho do avô e do legado dele de uma maneira que eu nunca tinha presenciado”, escreveu.

“Parte meu coração que meu filho não esteja aqui para ver isso. Ele teria absolutamente amado também. Não consigo dizer o quanto eu amei esse filme e espero que vocês amem também. Todo mundo envolvido colocou os corações e almas nisso, o que fica evidente nas performances”, completou.

A artista finalizou a sequência agradecendo o diretor: “Baz, sua genialidade combinada com o amor e respeito por meu pai e este projeto é tão bonita e inspiradora. Sei que estou sendo repetitiva, mas não me importo, obrigada por mostrar as coisas de uma maneira tão profunda e artística.”