Notícias » Paleontologia

Fósseis encontrados há um século são redescobertos

Os ossos de dinossauros estavam embrulhados em jornais antigos, armazenados em uma prateleira de uma universidade canadense

Isabela Barreiros Publicado em 08/12/2021, às 13h39

Fósseis embrulhados em jornais antigos
Fósseis embrulhados em jornais antigos - Divulgação/Clive Coy

Cerca de 20 fósseis de dinossauros foram redescobertos recentemente depois que pesquisadores examinaram jornais centenários de uma prateleira do campus sul da Universidade de Alberta, no Canadá.

As peças estavam embrulhadas em várias camadas de papel e amarradas com barbante. De acordo com Clive Coy, pesquisador de paleontologia da Faculdade de Ciências da universidade, o material foi armazenado no final dos anos 1960 e começo dos 70.

É sempre uma surpresa encontrar esses ossos que estão parados no solo por milhões de anos, mas aqui temos uma segunda surpresa ao encontrá-los novamente”, disse o pesquisador.

No entanto, os ossos de dinossauro foram encontrados antes disso: o estoque pode ter sido obtido durante as expedições de 1920 e 1921 na região que é conhecida como o Dinosaur Provincial Park, lideradas pelo primeiro paleontólogo da universidade em questão, George Sternberg.

Um dos fósseis armazenados em jornais / Crédito: Divulgação/Clive Coy

 

Os espécimes, que remontam a cerca de 70 milhões de anos atrás, serão examinados pelos pesquisadores da instituição, que estão especialmente interessados nos crânios de tartarugas do acervo centenário. As informações são do portal Phys. 

"Os crânios de tartarugas são extremamente raros e — considerando sua idade e preservados em apenas jornais — eles podem ser muito importantes", explicou Coy sobre os fósseis.