Notícias » Brasil

Manifestante joga tinta vermelha em rampa de acesso do Palácio do Planalto

Prédio faz parte do conjunto arquitetônico de Brasília e é tombado pela Unesco como patrimônio da humanidade. Ato é considerado vandalismo

Fabio Previdelli Publicado em 08/06/2020, às 12h11

Imagem da rampa do Palácio do Planalto
Imagem da rampa do Palácio do Planalto - Divulgação

No início dessa segunda-feira, 8, a rampa usada por autoridades em eventos oficiais, no Palácio do Planalto, amanheceu pintada de vermelho. Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal, a ação foi cometida por um homem que usava uma camisa branca e que fugiu em seguida.

De acordo com o relato de um apoiador do presidente Jair Bolsonaro, que afirma ter presenciado o ato, o manifestante saiu correndo depois que jogou a tinta. Ele estava caminhando e, depois do feito, foi em direção a uma moto que o aguardava. Segundo a testemunha, uma pessoa já o aguardava no veículo e os dois saíram em disparada.

Além de sede do governo federal, o prédio faz parte do conjunto arquitetônico de Brasília e é tombado pela Unesco como patrimônio da humanidade. O ataque ao local é considerado vandalismo.

Após o ato, uma equipe de limpeza do Palácio do Planalto foi deslocada até o local para tentar retirar a tinta vermelha do chão.