Notícias » Crimes

Morre Peter Sutcliffe, o Estripador de Yorkshire, aos 74 anos

O famoso serial killer havia sido diagnosticado com Covid-19 no início do mês, e se recusou a receber tratamento

Daniela Bazi Publicado em 14/11/2020, às 12h55

Peter Sutcliffe, o Estripador de Yorkshire
Peter Sutcliffe, o Estripador de Yorkshire - Divulgação/Youtube/AMANDA CSI

O Ministério da Justiça do Reino Unido anunciou hoje, 14, que Peter Sutcliffe, o serial killer conhecido como Estripador de Yorkshire, morreu neste sábado, aos 74 anos. A causa da morte não foi divulgada, no entanto, sabe-se que o criminoso havia sido diagnosticado com Covid-19 no início deste mês e se recusou a receber tratamento.

Segundo informações da BBC, Sutcliffe morreu no Hospital Universitário de North Durham, onde foi internado na semana passada devido a fortes dores no peito e falta de ar. Além da idade avançada, o homem também já possuía outras doenças, como diabetes e problemas cardíacos, que o colocavam no grupo de risco do vírus.

De acordo com o relato de uma fonte ao site The Sun, o assassino em série não teria demonstrado qualquer tipo de remorso relacionado a todos os seus atos durante os últimos momentos de vida. "Nenhuma lágrima foi derramada. Sua morte foi tão lamentável quanto a vida vil que ele viveu", comentou.

Peter havia sido condenado a prisão perpétua pela tentativa de assassinato contra sete mulheres, e pela morte de outras 13 entre os anos de 1975 e 1980. Ao total, o serial killer ficou preso por 40 anos, onde 30 deles cumpriu sua sentença no Hospital Psiquiátrico de Broadmoor, na Inglaterra, sendo transferido depois para a penitenciária masculina de Frankland.