Notícias » Religião

Na França, bispos irão doar ‘bens’ da Igreja para pagar indenização de vítimas de abuso

A medida acontece na tentativa de financiar o caso sem depender exclusivamente da doação de fiéis

Redação Publicado em 09/11/2021, às 11h33

Imagem meramente ilustrativa de bispo
Imagem meramente ilustrativa de bispo - Getty Images

Na última segunda-feira, 8, o presidente da Conferência Episcopal, Éric de Moulins-Beaufort, informou que bispos franceses irão vender alguns pertences de suas dioceses, com objetivo de indenizar aqueles que foram vítimas de pedofilia dentro da Igreja.

Segundo Éric, a Igreja busca "nutrir" o fundo de indenização das vítimas, "livrando-se dos bens imóveis da Conferência Episcopal da França e das dioceses".

Outra solução encontrada pela instituição religiosa para descartar a doações vinda dos fiéis para o pagamento da indenização é a possibilidade de um empréstimo. Entretanto, foi informado que caso o religioso queira doar, não será impedido.

De acordo com informações da agência de notícias AFP, a medida faz parte do reconhecimento de "responsabilidade institucional" da Igreja Católica, a respeito do abuso sexual de menores na França, dentro da instituição.

Uma comissão independente estima que tenham sido mais de 216 mil, desde 1950. Agora, as vítimas e familiares buscam por indenização.