Notícias » Europa

Na Polônia, incrível tesouro do século 15 revela moedas de prata e ouro valiosíssimas

O achado foi realizado por acidentalmente e constatado a um museu local, que finalmente revelou as informações ao grande público

André Nogueira Publicado em 18/05/2020, às 07h00 - Atualizado às 08h24

Moedas
Moedas - Divulgação

Após um ano da descoberta, foram finalmente reveladas informações sobre a descoberta acidental de um tesouro de moedas relatado ao Museu de Lubań, na Polônia. Encontradas nos arredores da floresta de Białogórski, 40 moedas, de maioria cunhada em prata, foram reveladas de seu esconderijo de 1431.

Moedas de prata / Crédito: Divulgação

 

A partir das marcações das faces do objeto, foi constatado que todas as moedas pertencem ao período do governo do rei Wenceslau IV, que reinou entre o fim do século 14 e início do 15, contendo a imagem do brasão com um leão. Há certa diversidade entre os tipos, que incluem dois exemplares de centavos de Meissen, um dinheiro medieval famoso por sua desvalorização.

As moedas de maior destaque da coleção são 5 ducados de ouro da Hungria, inspiradas em objetos do mesmo tipo vindos da Itália e que ganharam importante centralidade no comércio europeu medieval. Com grande concentração de ouro, eles podem valer uma fortuna.

Ducados de ouro / Crédito: Divulgação

 

Segundo análises do Museu Regional de Lubań, as moedas teriam sido enterradas durante as Guerras Hussitas, provavelmente por algum comerciante ou negociador que temia ser assaltado no cenário violento. Os centavos foram encontrados dispersos numa vasta área, o que indica interferências, possivelmente pela lavra da terra. Os artefatos serão exibidos ao público na instituição.