Notícias » Ciência

Pela primeira vez, é descoberto um animal que não respira

Descoberto por cientistas nos Estados Unidos, o parasita é o primeiro ser encontrado que não possui um sistema respiratório

Caio Tortamano Publicado em 25/02/2020, às 11h07

O H. salminicola é um parasita encontrado, principalmente, nos salmões
O H. salminicola é um parasita encontrado, principalmente, nos salmões - Stephen Douglas Atkinson

Um estudo publicado na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences, dos Estados Unidos, apontou que o cnidário Henneguya salminicola (da mesma família das águas-vivas) não precisa de oxigênio para sobreviver.

Na verdade, o parasita nem sequer tem um sistema respiratório desenvolvido. Encontrado geralmente em salmões, o animal não possui um genoma mitocondrial, responsável pela síntese de oxigênio em energia. Esse é o primeiro caso na natureza que se tem notícia.

Ainda é uma incógnita como eles conseguem sobreviver não respirando oxigênio, mas os pesquisadores americanos, responsáveis pela descoberta, acreditam que o cnidário capte ATP (composto químico responsável pelo armazenamento de energia em ligações químicas) de seus hospedeiros, classificando-o como um parasita.

É possível, ainda, que eles já tenham se parecido muito mais com uma água-viva do que agora, mas que foram perdendo membranas e órgãos em adaptação ao ambiente. O Henneguya salminicola não é nocivo ao ser humano, e vão nos ajudar a entender como é possível uma vida sem oxigênio.