Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Mundo

Oito pessoas ficam feridas após ataque com produto químico em Londres

Agora, polícia de Londres está atrás do principal suspeito do ataque, Abdul Ezedi, que feriu oito pessoas com uma substância química

Redação Publicado em 01/02/2024, às 17h05

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Imagem do local do ataque químico - Reprodução/Vídeo/YouTube/TalkTV
Imagem do local do ataque químico - Reprodução/Vídeo/YouTube/TalkTV

Nesta quarta-feira, 31, oito pessoas ficaram feridas em Londres, na Inglaterra, após um ataque com substância química. Agora, as autoridades britânicas estão atrás de Abdul Ezedi, 35, principal suspeito do incidente. Em um vídeo repercutido nas redes sociais, é possível ver o momento do ataque. 

Conforme repercutido pelo jornal O Globo, com informações da BBC, oito pessoas tiveram de ser atendidas após o ataque. Cinco foram encaminhadas para um centro de trauma grave e as outras três para um hospital local. Entre as vítimas, estão uma mãe e suas duas filhas. 

Em uma entrevista ao canal de televisão Sky News, uma testemunha relembrou o momento em que tentou limpar o produto químico do rosto de uma mulher. 

Foi horrível. Primeiro, um homem retirou a filha, uma menina de dois ou três anos, de um carro branco. Ele a jogou no chão duas vezes! Foi a pior coisa que já vi. O homem então jogou algo na mulher. Ela estava gritando, 'Meus olhos! Meus olhos!'", relatou a testemunha.

Investigação

Ao Daily Mail, o detetive superintendente Alexander Castle afirmou que o homem fugiu do local minutos após o ataque e as autoridades agora trabalham para “determinar o que levou a este terrível incidente” e prender o criminoso. 

Ele tem ferimentos significativos no lado direito do rosto. Se você o vir… peço que não se aproxime dele.”, completou Gabriel Cameron, superintendente da polícia de Londres.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!