Notícias » Estados Unidos

Paciente com varíola de macaco coloca 27 Estados americanos em alerta

O caso do homem do Texas que viajou da Nigéria para os EUA foi o primeiro registro da doença no país desde 2003

Fabio Previdelli Publicado em 22/07/2021, às 13h18

Vírus da varíola do macaco
Vírus da varíola do macaco - Science Photo Library

Segundo matéria publicada pelo Terra, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos está monitorando mais de 200 pessoas de 27 unidades federativas do país para rastrear possíveis infecções de varíola vinda dos macacos.  

Apesar de ser um caso raro, as autoridades locais temem que pessoas possam ter sido infectadas após a constatação de que um homem que viajou da Nigéria para o Texas, no início de julho, estava com o vírus. Aliás, este é o primeiro caso de varíola de macaco nos EUA desde 2003.  

Conforme aponta a reportagem, o paciente está no hospital e apresenta condições estáveis. Agora, o CDC busca identificar os passageiros dos dois voos que o homem estava a abordo: um que partiu de Lagos (Nigéria) para Atlanta (EUA) em 9 de julho; e depois para Dallas.  

A instituição informou que trabalha junto com as companhias aéreas para avaliar "os riscos potenciais para aqueles que podem ter tido contato próximo com o viajante". Porém, acrescentaram que as chances de contaminação são baixas, já que todos os passageiros estavam usando máscara. 

À BBC, um porta-voz do Centro de Controle e Prevenção de Doenças declarou estar "trabalhando com departamentos de saúde locais e estaduais para fazer o acompanhamento de indivíduos que podem ter sido expostos à varíola dos macacos"