Notícias » Brasil

Para pagar aluguel, mãe e filho furtam peças de picanha em supermercado

O caso aconteceu na cidade de Poços de Caldas, Minas Gerais

Penélope Coelho Publicado em 28/04/2021, às 09h43

Mercadoria furtada apreendida pela polícia de Poços de Caldas
Mercadoria furtada apreendida pela polícia de Poços de Caldas - Divulgação/Polícia Militar

De acordo com informações publicadas na última terça-feira, 27, pelo portal de notícias G1, mãe e filho foram pegos furtando peças de picanha em um supermercado em Poços de Caldas, Minas Gerais.

Segundo revelado na publicação, a mulher de 36 anos justificou o roubo afirmando que venderia as carnes e usaria o dinheiro para pagar o aluguel de uma casa para ela e para o filho, na cidade.

O vigilante do supermercado informou à Polícia Militar que viu a mulher pegando algumas partes de picanha da sessão de frios, ela teria dividido as carnes entre ela e o filho. Logo após, o segurança afirma que a mulher colocou as carnes dentro da bolsa e saiu do estabelecimento sem pagar pela mercadoria.

Com isso, mãe e filho foram parados pelos funcionários da segurança e aguardaram a chegada da polícia. De acordo com as autoridades, foram encontradas 18 peças de picanha na bolsa da mulher, além de uma caixa de chocolate e leite em pó. A cidadã foi presa e seu filho de 14 anos foi apreendido.